5 Benefícios do Mindfulness: entenda por que praticar!

Saiba como essa prática meditativa contribui na vida pessoal e profissional.
benefícios do mindfulness
Terapeuta Certificado
Mais terapias de Denise
5/5 - (6 votos)

Você já ouviu falar de mindfulness, a Meditação de Atenção Plena?

Neste artigo vamos entender os benefícios do mindfulness, o que ele significa e como aplicá-lo em nosso dia a dia. Vamos lá?

Meu nome é Denise, sou terapeuta do Guia da Alma e trabalho com processos de autoconhecimento, terapias integrativas e complementares e orientação para práticas de atenção plena. Boa leitura!


O que é Mindfulness?

imagem de o que é mindfulness

Foto: Moyo Studio – istock

Podemos conceituar a meditação mindfulness como “atenção plena“.

Um estado de consciência da própria presença no aqui e agora. O objetivo maior do mindfulness é, através de exercícios de autoconhecimento, estabilizar a mente e sustentar esse nível de atenção, com menos devaneios.

Passamos muito tempo dos nossos dias divagando sobre o passado ou o futuro e, assim, o presente escorre pelas nossas mãos.

Não conseguimos fazer uma gestão do tempo adequada, entramos em um piloto automático e, muitas vezes, somos engolidos pela rotina.

Praticar exercícios e técnicas de atenção plena, de mindfulness, faz com que, aos poucos, consigamos focar melhor em nossas tarefas, tornando mais clara a percepção de novas coisas a partir do que se tem no momento presente.

E essa é uma das características mais marcantes do mindfulness: a aceitação das mudanças e da impermanência das coisas.

Com as práticas do mindfulness buscamos estar conscientes do que acontece.

Faz com que nos tornemos protagonistas de nossa história, dos nossos dias, conseguindo verificar as melhores maneiras e recursos para alcançar os objetivos a partir do que temos, do presente.

O mindfulness se baseia em alguns pilares, como:

  • Perceber o presente;
  • Não julgar o momento com padrões já estabelecidos ou repetitivos;
  • Estar aberto às mudanças que chegam;
  • Se sentir curioso frente às novas possibilidades;
  • Atuar com mais consciência no mundo.

Quais são os benefícios do mindfulness? Conheça 5 deles!

imagem de quais são os benefícios do mindfulness

Foto: recep-bg – istock

Vamos ver, de forma sucinta, 5 benefícios do mindfulness em diversas situações/ambientes que estão presentes em nosso cotidiano.

Lembro que: sempre que possível, tenha um instrutor para te acompanhar. Em casos de ansiedade, depressão e TDAH, o mindfulness deve ser usado com orientação de um terapeuta ou instrutor, bem como, deve ser uma ferramenta complementar e integrativa aos tratamentos convencionais.

1. Benefícios do Mindfulness para ansiedade

ícone de benefícios do mindfulness para ansiedade

Para ajudar no processo de como vencer a ansiedade, a prática do mindfulness fundamenta-se em:

  • Estar consciente de suas experiências, sensações e emoções;
  • Perceber, sem julgamento, as respostas emocionais que temos frente a determinadas situações, lugares e/ou pessoas. Tomar consciência de nossas respostas emocionais;
  • Realizar mudanças de padrões de comportamento por meio da autogentileza e empatia;
  • Colaborar no processo de largar a necessidade excessiva de controle e autocrítica, para uma mentalidade mais amorosa, sem tantos julgamentos;
  • Melhorar a qualidade de vida, a possibilidade de viver bem, praticar e desenvolver a flexibilidade cognitiva, que irá impactar no melhor gerenciamento da saúde emocional, bem como na regulação de sua intensidade.

2. Benefícios do Mindfulness no trabalho

ícone de benefícios do mindfulness no trabalho

Nos ambientes corporativos, a prática de mindfulness no trabalho é um recurso que está cada vez mais sendo utilizado pelas equipes de alta performance.

A atenção plena no dia a dia das organizações colabora para:

  • Conectar-se melhor com as situações presentes, com o objetivo de encontrar soluções para as demandas apresentadas, por meio do não julgamento e da abertura para o novo;
  • Conseguir desenvolver uma melhor segurança emocional na equipe, compreendendo e aceitando as vulnerabilidades de cada um;
  • Naturalizar a vulnerabilidade dentro do ambiente de trabalho para que a possibilidade de expressão e criatividade seja potencializada e realizada de forma tranquila;
  • Lidar com o estresse no trabalho e diminuir a exaustão emocional;
  • A prática de mindfulness traz a estabilidade da atenção, a consciência das respostas emocionais, o autoconhecimento e as possibilidades de mudanças em nossos padrões de comportamento.

3. Benefícios do Mindfulness para depressão

ícone de benefícios do mindfulness para depressão

O mindfulness tem sido usado como recurso complementar nos casos de depressão, com o intuito de facilitar no processo de autoregulação emocional.

As práticas de atenção plena colaboram para:

  • Treinar atenção plena para focar no presente, no aqui e agora, diminuindo o pensamento ruminante;
  • Ter consciência de que os eventos são passageiros, efêmeros. A mudança é a base das nossas vidas; assim é preciso desenvolver a consciência de que não é preciso se apegar a determinados acontecimentos indesejados;
  • O mindfulness modifica a atividade cerebral, trazendo mudanças positivas e diferenciais após algumas semanas de práticas, segundo o livro Neurociência e Mindfulness, do Dr. Ramon Cosenza.

4. Benefícios do Mindfulness para TDAH

ícone de vantagens para TDAH

Para o TDAH, a prática de mindfulness trabalha com a aceitação do momento, com o não julgamento e com exercícios de foco.

Colabora, assim, para:

  • Treinar a atenção, sem julgamentos e sem autocrítica. Isto é, caso haja um desvio da atenção, o indicado é simplesmente retornar com autogentileza com o foco inicial;
  • Ter consciência do corpo físico, do momento em que a atenção já não está mais adequada, para que se busquem recursos disponíveis;
  • Buscar autoconhecimento para tomar consciência de padrões emocionais.

5. Benefícios do Mindfulness para dormir

ícone de vantagens para dormir

O mindfulness traz vários benefícios para quem precisa amenizar a insônia, colaborando para:

  • Aprender a observar os pensamentos sem julgá-los, deixando fluir, como o caminho de um rio;
  • Não se autocriticar pelos pensamentos e sensações do momento, evitando a briga interna;
  • Tentar realizar práticas que tragam calmaria e conforto para o momento.

Faz sentido pra você?

Meditação mindfulness: como praticar?

imagem de meditação mindfulness como praticar

Para iniciar a prática de mindfulness, o indicado é ter a orientação de um terapeuta ou instrutor.

Assim, o treinamento tem uma continuação, um caminho a ser desenvolvido a partir da demanda de cada sujeito, seguindo um passo a passo.

Conseguir realizar as meditações de atenção plena exige uma certa prática, que deve ser iniciada com curtos períodos de tempo.

Algumas pessoas podem ter algumas reações, como o choro, por exemplo, em determinadas práticas. Por isso, o acompanhamento profissional é importante.

Vale lembrar que a performance é individual e o tempo de cada um precisa ser respeitado.

Mindfulness: exercícios para o ambiente corporativo e vida pessoal

ícone de exercícios para o ambiente corporativo e vida pessoal

Conheça o exercício: Prática dos 3 Minutos Mindfulness:

A Prática dos 3 Minutos Mindfulness pode ser realizada tanto nos ambientes corporativos — antes de uma reunião importante, por exemplo — ou na vida pessoal, para concentração, presença e aceitação do momento.

Essa simples prática tem como objetivo introduzir o mindfulness em nossa rotina. Trabalha com a concentração no estar presente, no aqui e agora.

Pode ser feita seguindo o roteiro abaixo:

  • Adote uma posição confortável, mas de forma atenta, de preferência com a coluna ereta;
  • Aos poucos, leve sua atenção para as sensações físicas do seu corpo (contato com o chão, temperatura da pele, pontos de tensão), bem como o local que você se encontra (temperatura, cheiros, sons);
  • Perceba se há pensamentos ou emoções presentes nessa experiência. Não julgue, apenas sinta;
  • Lentamente, comece a levar sua atenção para os movimentos de sua respiração – perceba os movimentos do tórax, do abdômen, a sensação do ar entrando e saindo pelas narinas;
  • Tente seguir o fluxo natural da respiração, sem forçar um ritmo, apenas acompanhe;
  • Caso haja um desvio de sua atenção, apenas volte, com autogentileza, o foco em sua respiração;
  • Para finalizar, volte gradualmente a atenção para a observação de todo o seu corpo e ambiente. Aos poucos, termine a prática fazendo movimentos bem suaves com a cabeça, com o pescoço e com as mãos.

As práticas de atenção plena trazem muitos benefícios em sua saúde mental, emocional e física.

Estar presente é uma riqueza diante de nossa rotina tão veloz, nos proporciona maior aceitação, menor julgamento e maior controle das nossas ações e comportamentos.

Venha experimentar! As práticas são realizadas com minha supervisão e acompanhamento.

5/5 - (6 votos)

Terapeuta Integrativa e Complementar • Comunicóloga • Facilitadora nos Processos de Autoconhecimento e Desenvolvimento Humano • Orientadora em Práticas de Mindfulness • Orientadora em Atividades de Estimulação Cognitiva

AGENDAR!

Atende online

Agende uma sessão de Meditação!

Terapeutas Guia da Alma estão te esperando!

Mais terapias de Denise

  • Atividades de Estimulação Cognitiva à Distância (60+ e demais interessados)

    Online
    R$120,00
    Denise
    (28)
    Terapeuta
    429 terapias realizadas
  • Reiki para Relaxamento e Motivação: A Busca pelo Equilíbrio Emocional

    Online
    R$110,00
    Denise
    (28)
    Terapeuta
    429 terapias realizadas
Ver Perfil de Terapeuta