Como obter Sucesso Profissional? Pilares e orientações essenciais!

Descubra o que determina o sucesso e comece hoje mesmo a busca pela realização profissional e pessoal.
mulher com sucesso profissional
Terapeuta Certificado
Mais terapias de Angélica Boff
5/5 - (4 votos)

Como integrar o mundo do sucesso profissional? Qual o caminho para o sucesso profissional?

Que mistério é este, que me sinto como naquela fábula do burro e da cenoura?

Na verdade, esta fábula é um mecanismo real inventado para que o burro não empaque em suas caminhadas e realize o serviço. A fábula é a seguinte:

Coloca-se uma vara com uma cenoura pendurada à sua frente e, assim, ele caminha eternamente em busca daquele saboroso alimento que parece atingível, “só que não”. Na medida em que ele avança, a cenoura avança junto. 

É muito comum nos sentirmos assim diante de nossos propósitos e objetivos na vida. Os motivos de isso ocorrer são vários e apresentam diferentes facetas da vida. Vamos falar um pouco sobre isto nesse artigo!

Vou te contar alguns segredos do sucesso profissional para que você não corra eternamente atrás do objetivo inatingível e, sim, desfrute do trajeto que percorre, realize seu propósito e comemore as conquistas reais de sua vida.

Sou Angélica Boff, Parapsicóloga Clínica do Sistema Grisa e Hipnoterapeuta, e tenho tido um uma trajetória interessante com esta atividade:

Sou procurada, via de regra, por pessoas que buscam o sucesso profissional. Esses processos terapêuticos por mim conduzidos têm apresentado resultados encantadores e transformadores.

Certamente influencia o fato de eu ter percorrido por anos “minha cenoura”, até que alcancei outras paragens mais verdes e mais livres. Neste artigo quero te convidar a entender um pouco mais sobre o que é e como atingir o sucesso profissional.

Em primeiro lugar, não existe uma receita do sucesso profissional. Até porque o que é sucesso para mim, pode não ser para você.

Os caminhos que uma pessoa percorre estão intimamente relacionados com toda sua trajetória de vida e de seus antepassados – a sua história familiar – e, portanto, objetivos, caminhos e resultados podem ser bastante diferentes. 

O que se torna fundamental é refletirmos sobre a questão e conhecermos nossa história, sentimentos e o que faz sentido para cada um de nós.

Proponho a vocês começarmos esta reflexão pelo conceito de sucesso profissional. O que é sucesso, afinal? Num segundo passo, no seu dia a dia, no seu processo terapêutico, de autoconhecimento e autotransformação, treine a escuta de si, a percepção de seus sentimentos e do sentido da sua existência no mundo.


 

O que é sucesso profissional? Significado!

mulher feliz pelo sucesso profissional

Foto: Andrea Piacquadio – Pexels

Como coloquei antes, este conceito é relativo. Além dos objetivos e histórico de vida de cada pessoa, a definição de sucesso profissional vai variar de acordo com o tipo de profissão, o grupo social em que você se insere, até mesmo a empresa e tipo de empresa em que você trabalha.

Um fato comum é que nossa sociedade atual, de uma cultura ocidental quase homogênea, estabelece como ditames determinados status.

Alguns deles são:

  • Destacar-se em sua profissão: ser chefe, superior, diretor, inovador, único;
  • Confunde-se sucesso profissional com sucesso financeiro e, este último, com riqueza;
  • Há várias imagens associadas a sucesso profissional, geralmente mostrando escritórios luxuosos e americanos, determinados tipos de roupas (para os homens nem tem muita opção, é terno e gravata);
  • E, por fim, o rótulo mais clássico e almejado, (juntamente com a riqueza a perder de vista): a FAMA. 

Eu mesma, em minhas buscas, décadas atrás não me conformava em ser mais uma. Precisava estar no topo da cadeia da fama. O mais curioso é que foi em meio a estas buscas confusas que comecei, inclusive, a me aperceber de que a própria FAMA era relativa.

Havia muitas pessoas famosas e “bem sucedidas” em suas áreas, outras mais populares – os chamados pop stars – e, afinal, qual era a importância de uns e outros para a humanidade?

Apercebia-me também de que, na minha área (à época eu era bailarina, depois fui historiadora) eu jamais seria uma pop star, pois eram profissões eruditas e que não abrangiam a vastidão dos gostos populares.

E neste ponto, volto a mencionar que a sociedade ocidental – e hoje boa parte da sociedade oriental também – está num processo de tornar gostos e necessidades homogêneos:

  • Todo mundo gosta de um determinado tipo de música, roupa, comida…
  • Há figuras e mídias que ditam comportamentos;
  • E, finalmente, temos hoje os grandes influenciadores.
  • Por fim, há profissões e carreiras que são valorizadas em detrimento de outras.

E aí? Onde é que cada pessoa única se encaixa? Na frustração de ser “apenas mais um comerciante”, “mais um funcionário público”, “mais um professor”, enfim, mais uma pessoa “substituível”, como o sistema teve a pachorra de convencionar dizer.

E por falar em sistema social, é interessante notar que ele é feito por pessoas e por cada um de nós, o que significa que temos responsabilidade e poder sobre estes ditames.

Não existe uma receita do sucesso profissional. Percebendo como o conceito de sucesso profissional está tão restrito e padronizado, tornamos novamente a questionar o que é sucesso profissional.

 

O que determina o sucesso profissional?

artista feliz pelo sucesso em seu trabalho

Foto: Art_Photo – Canva

Ter sucesso na profissão envolve muitos outros fatores que as mídias e a sociedade não estão mostrando e valorizando.

São fatores que falam de sucesso profissional:

  • Respeito: valorização de cada indivíduo único para a manutenção da espécie e da biodiversidade;
  • Realização pessoal: sentir-se útil e buscar a harmonia consigo mesmo e com o outro;
  • Harmonia: com o Todo. 

Em suma, falo aqui das diversas dimensões da vida, todas pautadas por Leis da Natureza, das quais não temos como fugir sem nos machucarmos ou ferirmos aos outros e à harmonia do Cosmos.

Afinal de contas, somos criaturas, integrantes da natureza, partícipes do Universo, não é?

 

Os 3 Pilares do Sucesso Profissional

mulher sentindo-se realizada profissionalmente

Foto: Karolina Grabowska – Pexels

A Parapsicologia Clínica do Sistema Grisa – sistema terapêutico com que trabalho – tem estas leis muito bem sintetizadas da seguinte forma:

 

1. Lei da Harmonia

Lei da Harmonia

Tudo no universo vive em perfeita harmonia, o que possibilita sua existência. Como num caleidoscópio, formando um mosaico harmônico.

É esta harmonia que possibilita a existência de cada partícula e do Todo, incluindo cada ser humano. No momento em que uma peça do universo entra em desarmonia com outra, gera atrito, sofrimento, doença ou destruição.

Trazendo esta lei para o sucesso profissional, destaco alguns pontos: 

  • No momento em que o seu sucesso depende do fracasso ou pobreza do outro, este sucesso está em desarmonia. Não é um sucesso, é o próprio fracasso. Que pessoa é esta que precisa diminuir o outro para poder aparecer ou ter? Uma pessoa que não é capaz de se relacionar, de conviver num universo em que, por óbvio, ela não é a única.
  • Se seu sucesso profissional negligencia o cuidado com a saúde, vai gerar doença para você ou para outros. Gerando doença aos outros, a cadeia desarmônica da destruição está ativada.
  • Se sua busca pelo sucesso se sobrepõe ao convívio harmônico com as pessoas que te cercam, também vai gerar desarmonia e sofrimento. Surgem os problemas familiares e de relacionamentos (amoroso ou mesmo de amizade).

 

2. Lei da Evolução

Lei da Evolução

Vivemos em um universo em constante movimento e expansão. Tudo muda, tudo evolui sempre, tudo se transforma em direção à harmonia. Em termos de sucesso profissional:

  • Se você estagna, para de aprender, adaptar-se e evoluir como ser humano, acaba perdendo o propósito de viver. Pode adoecer e até mesmo morrer.

Quantas pessoas você conhece que estavam acomodadas em seu “cabide de emprego” e morreram, ou que tinham como único objetivo de vida a aposentadoria para livrar-se “do fardo do emprego” e, pouco tempo depois de aposentados adoeceram ou até morreram? 

  • Com a Lei da Evolução trabalha-se também a capacidade criativa única de cada ser humano. 

 

3. Lei da Vibração

Lei da Vibração

Cada partícula no Universo é energia, portanto, está em constante movimento vibracional e troca de energia com outras partículas. Na dimensão humana é o dar e receber: 

  • Seu trabalho contribui para o mundo? 
  • Você se sente realizado e útil ao trabalhar? 
  • Quem só recebe, recebe junto um atestado de incompetência, desenvolve níveis de depressão ou revolta-se, como aquele para quem nunca o que os outros fazem por ele é bom o suficiente. E – atenção – quando falo em dar ou prover, não me refiro apenas ao dinheiro e sustento, mas às diversas formas de retribuição!
  • Por outro lado, você sabe receber? Ou é daquelas pessoas (chefes, ou chatos) centralizadoras que não sabem delegar os serviços “por que o outro não sabe fazer direito”?

Com isso tudo, estamos pensando de maneira holística (o termo holístico vem de “holos”, do grego, o todo integrado). O pensamento holístico é aquele que percebe que todas as dimensões da vida e elementos do universo estão integrados entre si. Não tem como compartimentarmos o ser humano ou o mundo. 

Ou seja, não tem como falarmos em sucesso profissional sem pensarmos no Sucesso da Pessoa Integral.

Enfim, podemos ficar acomodados e presos a um sistema que nos é imposto, segregado, e em que todos são requisitados a serem iguais.

Mas te convido a uma mudança (evolução): conhecer sua identidade única, de ser humano criativo, que nasceu para dar e receber num universo em que sobreviver está profundamente ligado com estar em harmonia e evolução. Neste caminho, então, podemos começar a falar em felicidade.

Ao conhecer e assumir nossa história, podemos iniciar a caminhada de transformação dos traumas e sentimentos sofridos – o que chamamos de reprogramação mental.

Transformando sofrimentos sofridos e programações subconscientes atrapalhadas, você verá que elas acabam por se tornar ferramentas que nos empoderam para sermos um sucesso integral!

A seguir, vou contar um pouco da minha história com a intenção de melhor explicar este caminho de transformação interna que nos empodera e como as dimensões de nossas vidas estão associadas entre si.

O leitor também poderá fazer conexões entre sua vida e seus sonhos com meus exemplos de andanças em busca do sucesso profissional. 

 

Minha História de Sucesso Profissional

Minha História de Sucesso Profissional

Angélica Boff

O que vou contar aqui remete apenas a alguns aspectos da minha história, naturalmente. O ser humano é muito complexo e estamos em constante busca.

São aspectos bem pertinentes para vocês entenderem melhor como funciona a mente humana e sua trajetória em busca do sucesso profissional. 

Considero-me uma pessoa afortunada por muitos motivos, mas o curioso é que cada um destes presentes que a vida me deu também me fizeram sofrer e foram desafiadores.

Por exemplo: tive muitas oportunidades de estudos e pude escolher a que queria, só que isso não significou um mar de rosas.

O incômodo maior começou quando terminei a faculdade e, em seguida, o mestrado em história, e esta já era minha segunda profissão (a primeira foi bailarina).

Eu era relativamente jovem, em torno dos 25 anos, mas por outro lado, já tinha 25 anos, muito estudo e não tinha trabalho. Mais do que isso, não havia muita perspectiva de trabalho nesta área pouco valorizada pela sociedade…


>> Não valorizada? Pois então, que sociedade é essa a nossa que não valoriza o conhecimento humano, a própria história… não é à toa que temos tantos problemas! <<


Poderia fazer concurso para ser professora em escolas, e isto era uma coisa que mexia comigo negativamente.

À época eu não sabia por que, mas a ideia de ser professora em escola me repugnava. Mais tarde compreendi que esta emoção tão profunda estava relacionada com a história de minha mãe que havia sido obrigada a ser professora. 

Os anos foram se passando, muitas tentativas frustradas, currículos entregues, desinformação sobre como me colocar como profissional na minha área e muito medo de perguntar, medo de ser um E.T., medo de errar e, de novo, medo de errar.

Naqueles anos, também tive incursões por alguns outros trabalhos fora da minha área. Diante de rótulos da sociedade, do ego e vaidade ditados e da insegurança que atrapalhava minha personalidade, esta situação me fazia sentir humilhada.

Eram trabalhos vistos socialmente como “trabalhos menores”. Pois é… eu ainda não conhecia o que escrevi a vocês anteriormente, não é mesmo?

Sentimentos perturbadores me dominavam e eu sequer os identificava! Eles me atrapalhavam completamente no desempenho das atividades profissionais, no relacionamento com colegas, professores, chefes, enfim, com a sociedade.

Sentimentos de culpa, de rejeição, um nível de ansiedade desmedido em momentos chave de entrevistas, concursos, apresentações. E, por fim, um terrível medo de não dar certo – a sobrevivência! 

Aliás, é importante notar que: ANSIEDADE sempre é pressa em se obter um resultado, com medo de que não dê certo. Atente para esta frase se você sofre de ansiedade, pois ela é chave para as suas descobertas pessoais.

O processo de identificar os seus sentimentos passa por muito treino e sinceridade consigo mesmo.

A Parapsicologia Clínica pode lhe ajudara identifica-los com mais clareza e agilidade, explicando o funcionamento da mente, sua história e formação da personalidade.

Você não precisa trilhar caminho de árduos e longos anos para isto. Todos merecem que a vida seja mais leve. O mundo merece que você seja mais feliz.

É fundamental conhecer e identificar os seus sentimentos, pois cada vez que você os maquia com a “meta de atingir o sucesso”, você está sufocando as programações reais e basilares que inevitavelmente se atravessam em meio à sua vontade e comandam e criam a sua realidade.

Geralmente, essas programações atrapalhadas e sentimentos sofridos são maquiados com sua vaidade e seu ego, que eventualmente lhe trazem algum conforto:

Um parabéns aqui, uma promessa ali, talvez uma promoção, ou um artigo publicado, ou até uma namorada que o admire – no caso dos homens isso geralmente conta bastante.

E para aquelas pessoas que já se destacam em sua carreira, cuidado! As ciladas do ego e vaidade são bem maiores e mais sedutoras. 

Voltando à minha história, as causas mais profundas destes sentimentos de culpa, rejeição, medo e ansiedade que criavam minha realidade sofrida e atrapalhada estavam todas na história da minha vida e, pasme, na história de vida de meus pais e avós.

Fiz uma breve pesquisa de minha ancestralidade e encontramos:

  • Rejeições;
  • Gestações questionadas;
  • Pais com medo de não dar conta do sustento dos filhos;
  • Propósitos de vida profissionais tolhidos e desviados (pois a sociedade exigia, de variadas formas que meus pais e alguns avós exercessem profissões que nada tinham a ver com suas personalidades e capacidades);
  • Crenças limitantes em não merecimento e de que dinheiro é coisa de gente ruim ou gananciosa, entre outras coisas. 

Eu conhecia bastante coisa das histórias de vida da minha mãe, avós e bisavós maternos, e alguma coisa por parte de pai. Sempre ouvi histórias de vitória, superação, fé em Deus, amor em família.

Provavelmente nestas histórias estão as programações passadas de geração em geração, que proporcionaram a vida e superações. Mas o que eu precisava agora era focar nos dramas e traumas, para ressignificá-los.

Às vezes, situações pequenas e insignificantes são vistas como traumas terríveis por nossa mente subconsciente, o que é mais difícil de identificar, mas assombram nosso presente da mesma maneira e com a mesma intensidade.

No processo de autoconhecimento e, sobretudo, com a Parapsicologia Clínica do Sistema Grisa é que o quebra-cabeça começou a tomar forma.

Peças mais dolorosas foram encontradas e, sobretudo, peças que não traziam uma estampa nítida de dor antes de serem encaixadas na figura do quebra-cabeça.

Falo de vivências, pensamentos e sentimentos negativos e sofridos sutis ou já superados conscientemente, mas que foram tomados por minha mente subconsciente como “fantasmas ameaçadores assombrando eternamente”.

Também vivências e sentimentos de avós que nem conheci, mas que foram passadas para meus pais e para mim assim da mesma forma como recebemos toda uma carga genética. 

O primeiro passo, em terapia, foi: conhecer as Programações Subconscientes que faziam eu me sentir tão desenquadrada, agir tão atrapalhada e, assim, atrair situações desarmônicas, perder oportunidades e criar uma realidade sofrida.

No segundo passo, também com auxílio da hipnose, pude compreender – entender e também sentir – que tudo por que eu e meus familiares passamos de difícil, desafiador ou até ruim, foi superado, teve seu lado de aprendizado, e muitas coisas inclusive tiveram seu lado positivo.

Quando esta mensagem é enviada ao subconsciente, e sentimos a forte emoção deste outro lado de nossas histórias, é como se renascêssemos!

É como se um portal fosse aberto para nova vida. Mas esta é uma linguagem metafórica! Atenção: às vezes, em meio ao processo, surgem insights, no mais, tudo é um processo.

Lembre-se da Lei da Evolução: crescemos constantemente.

 

Meu caminho para o sucesso profissional

mulher grata pela realização profissional

Foto: Gary Barnes – Pexels

Usando meu exemplo de case de sucesso profissional, por fim, alguns resultados deste processo foram:

  • Perceber o quanto já somos afortunados;
  • Reconhecer os sucessos que tivemos e já temos;
  • Novas oportunidades nos aparecem como se fosse mágica;
  • É possível nos empenharmos, nos organizarmos e inclusive oferecermos nosso trabalho com vitalidade e confiança;
  • A vida flui mais facilmente;
  • E, repito, mais do que tudo conseguimos SENTIR GENUINAMENTE A TÃO FALADA GRATIDÃO. Ser grato não é um ato. É um estado de ser. É fluído. Não precisamos fazer força para isto, nem mesmo pensar em agradecer. Ser grato é sentir realização e felicidade por cada momento e situação da nossa vida. 

Vou contar a vocês alguns “saltos quânticos” que vivenciei neste processo terapêutico: 

  • Apercebi-me de que todos os estudos e trabalhos porque passei me trouxeram enorme conhecimento e capacidade de lidar com pessoas e nichos muito diferentes.
  • Apercebi-me que todos os trabalhos que promovem a harmonia, a evolução e o bem recíproco são muito dignos. Não existem trabalhos menores. Esta compreensão me deixou “boquiaberta” porque eu já pensava assim, mas sentia diferente.

Percebem como muitas vezes temos programações contraditórias e isso é como querer encaixar uma peça errada no quebra-cabeça da vida?

  • Dei-me conta de que exercia uma excelente profissão, que eu gostava, mas havia outra – a de Parapsicóloga Clínica – que fazia todo sentido na minha vida. Em outras atividades, sempre me sentia absorvendo conhecimento de fora que passava por mim para eu transmitir.

Como terapeuta, tudo o que faço vem de dentro, toma conta de mim, e minha atividade sou eu manifestada para o mundo. É incrível a diferença!

  • Assim, permiti-me trocar de profissão e, num processo de quatro anos de estudos e estágios me tornei Parapsicóloga Clínica e Hipnoterapeuta, além de Master em Neurolinguística. 
  • Recebi convites para trabalhos como historiadora, cujo pagamento proporcionou os novos estudos e minha transição de carreira.
  • Reconheci os presentes e recompensas que “a vida” me dava – através das pessoas que me cercam. Não porque eu fosse incompetente e precisasse delas, mas justamente o contrário, porque sou uma pessoa única e de valor inestimável para elas e para o mundo.

E neste ponto quero dizer a você que lê este artigo em busca do sucesso profissional: 

  • Existem inúmeros motivos pelos quais você pode receber retribuições: serviços prestados por você, o amor que você dá, a compreensão ao outro, sua presença inestimável.
  • E existem inúmeras formas de “pagamento”, ou retribuição pelo que você é e faz. Não apenas salário, pagamento por serviço, ou dinheiro.

Nossa sociedade está engessada num sistema – e ok, não temos como mudar isso radicalmente, além de que, existem coisas boas neste sistema criado pela humanidade.

Entretanto, pensar “fora da caixa” também é fundamental. As propostas de sustentabilidade estão aí para falar disso.

Lembre-se de que muitas vezes damos a uma pessoa com uma mão, gratuitamente, e recebemos de outra pessoa, do outro lado, também gratuitamente. Não duvide de sua capacidade e nem de seu merecimento.

  • Com isso, posso falar de novo na gratidão que vivencio hoje e que… aconteceu pela primeira vez na minha vida, poucos anos atrás, numa tarde, num insight em que visualizei mentalmente um diamante. Vou compartilhar com vocês:

 

Você é um Ser Único no Universo Infinito

construtor feliz pela valorização em seu trabalho

Foto – Andrea Piacquadio – Pexels

“O ser humano é como diamante bruto a ser lapidado”

Pedro Grisa abre seu livro “Liberte seu Poder Extra” fazendo essa linda metáfora para nós.

Fato é que este mineral já virou símbolo universal de abundância, riqueza e raridade em nosso imaginário.

E você sabe que cada diamante é único, não sabe? É verdade. 

Às vezes eu penso que nosso mundo está de pernas pro ar…

Quando eu era criança, ouvíamos um LP infantil do Pe. Zezinho cujo título era “Lá na Terra do Contrário”.

E não é que me parece bem isto? Diamantes, na prática, têm mais valor que uma vida humana. Entretanto, cada vida humana… é única!

Valorize-se. E valorize o outro. Não duvide jamais da sua capacidade. Tudo o que é único é valorizado.

Porém, o ser humano é mais do que um objeto único. Ele é uma criatura divina, com capacidade criativa.

Tudo no universo evolui, está em constante movimento. Quanto mais o ser humano, esta criatura complexa.

 

Sucesso profissional e pessoal andam juntos

homem alegre pelo crescimento profissional e pessoal

Foto: kiattisakch – Canva

Busque crescer sempre. Para não sermos apenas um a mais nas multidões do mercado profissional, desenvolva o conhecimento de si.

É por este caminho que terás chance de sentir teu valor. Como todos estamos em permanente troca, não existe a não influência.

Os outros só perceberão seu valor na medida em que você vivenciar este sentimento e, consequentemente, comunicar no gesto, no olhar ou na fala.

Com tudo isso, podemos compreender melhor como o sucesso profissional e pessoal andam juntos.

O sucesso está profundamente relacionado com o bem-estar integral de cada pessoa e, dela, com o Todo, com a sociedade, e com a biodiversidade.

Não se iluda com os “sucessos” construídos sobre destruição e sofrimento.

Deste tipo de sucesso o mundo está cheio. Trilhando este caminho, você certamente será apenas mais um na multidão – ainda que se encha de fama ou diamantes.

Atenção, pois: um case de sucesso profissional pode ser toda aquela pessoa com quem você encontra, que sorri naturalmente, que te respeita, assim como a si e aos outros, enfim, que busca sempre uma vida equilibrada.

 

13 Dicas de Sucesso Profissional: como obter?

mulher com sucesso profissional

Foto: Ron Lach – Pexels

Separei dicas para você que está nessa jornada de busca pelo sucesso profissional. Confira!

Dica 1. Evolução constante

Evolução constante

Estudos e aprendizado são importantes.

Dica 2. Humildade

Humildade

Sempre!

Dica 3. Auto-observação

Auto-observação

Olhe diariamente para o que você já é e já tem.

Dica 4. Simplicidade

Simplicidade

Mas com bom gosto e, sobretudo, educação, no estilo de vida e no relacionamento com os outros. 

Dica 5. Relacionamentos saudáveis

Relacionamentos saudáveis

Desenvolva relacionamentos sociais verdadeiros e baseados em trocas positivas. Evite amizades tóxicas.

Dica 6. Desenvolva sua criatividade

Desenvolva sua criatividade

Confie nela, e depois converse com outras pessoas, avalie, analise e julgue sua ideia criativa.

Mas primeiro, dê uma chance para seus insights e feeling.

Dica 7. Persistência

Persistência

Nos estudos, no trabalho, e, para que estes sejam bem sucedidos, na terapia.

Não desista na primeira dificuldade! Vem comigo pra terapia.

Dica 8. Paciência e Fé

Paciência e Fé

Tenha paciência consigo mesmo, e Fé no seu potencial e no seu objetivo. Não deixe a dúvida bombardear sua caminhada.

Dica 9. Harmonia

Harmonia

Verifique, sempre, se seus objetivos e sonhos estão de acordo com as Leis Cósmicas Naturais: da Harmonia, da Evolução e da Vibração.

Busque aprofundar o conhecimento das leis da natureza com a Terapia de Orientação Parapsicológica e leituras desta área.

Gostaria de indicar aqui o livro “Liberte seu Poder Extra”, de Pedro Grisa, com o qual eu trabalho. Isto também é capacitação.

Dica 10. Planejamento de carreira e sucesso profissional

Planejamento de carreira e sucesso profissional

Planeje seus estudos e carreira, e escreva-os no seu Livro da Vida ou num mural.

Isto dá visibilidade e concretude a nossos sonhos, que deixam de ser devaneios fugazes. 

Dica 11. Objetivos, motivação e sucesso profissional

Objetivos, motivação e sucesso profissional

Com o planejamento, você poderá traçar um objetivo por vez. Visualize este objetivo mais próximo sendo realizado.

Imagine ele com detalhes, curta esta viagem! Depois risque cada degrau desta escada, que você já subiu. 

Dica 12. Tenha hobbies

Tenha hobbies

Faça atividades de lazer, e dê preferência para sempre ter uma atividade física que lhe traga vitalidade e vigor. Eles produzem substâncias químicas fundamentais em nosso cérebro, que nos motivam a continuar. 

Dica 13. Valorize suas conquistas pessoais

Valorize suas conquistas pessoais

Dê o primeiro passo: agende uma sessão de terapia para o sucesso profissional para já colocar em prática tudo isso.

Conheça a Jornada para o Sucesso Profissional, onde utilizo o sistema Grisa de Parapsicologia para levar você rumo a sua realização pessoal e profissional.

5/5 - (4 votos)

A Parapsicologia Clínica transforma vidas com simplicidade e objetividade. | Análise Sistêmica Familiar e Hipnose para reprogramação mental. Você pode se beneficiar muito também através dos meus Cursos e Palestras de autoconhecimento e transformação pessoal.

AGENDAR!

Atende online

Mais terapias de Angélica Boff

  • AUTOESTIMA EM ALTA – Parapsicologia Clínica e Hipnoterapia | Desconto extra na 1a sessão

    Online
    R$260,00
    Angélica Boff
    (8)
    Terapeuta Certificado
    Play
  • Pacote Relação Pais e Filhos | 6 Sessões para três pessoas

    Online
    R$1.350,00
    Angélica Boff
    (8)
    Terapeuta Certificado
    Play
  • Análise Sistêmica Familiar – Parapsicologia do Sistema Grisa | Desconto extra na 1a sessão

    Online
    R$260,00
    Angélica Boff
    (8)
    Terapeuta Certificado
    Play
Ver Perfil de Terapeuta
As Terapias Holísticas e Integrativas são complementares à medicina alopática, e não devem substituir nenhuma consulta e/ou tratamento médico.
Atenção: este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida.
Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br. Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.
Política de Privacidade | Termos de Uso
Copyright © 2018 Guia da Alma. Todos os direitos reservados.
Feito com Luz e Amor em Florianópolis!
Por InCuca
[Report Gratuito] Dados sobre Saúde Mental no Trabalho!

Receba um relatório completo com dados e tendências para RH!