Como desenvolver Inteligência Emocional? Dicas práticas!

Compreender as próprias emoções pode ajudar você a viver com plenitude!
como desenvolver inteligência emocional: mulher em plenitude de braços abertos em campo

Olá, neste artigo, vamos entender um pouquinho sobre o que é e como desenvolver Inteligência Emocional. E qual o benefício que este entendimento pode trazer para você viver uma vida com plenitude.

Eu sou Márcia Gaya, coach, terapeuta de respiração circular e especialista emocional, com foco em Desenvolvimento Pessoal e Inteligência Emocional. Boa leitura!


 

O que é Inteligência Emocional e para que serve?

como desenvolver inteligência emocional

Imagens: Pexels

Inteligência emocional é uma competência, pois pode ser aprendida por qualquer pessoa, mas também é uma habilidade, pois algumas poucas pessoas têm o privilégio de nascer com esta capacidade.

De maneira simplificada, podemos definir Inteligência Emocional como a capacidade de perceber as próprias emoções e sentimentos em si e nos outros, melhorando nosso relacionamento intrapessoal e interpessoal, ou seja, consigo e no seu círculo de relacionamentos.

Desenvolver Inteligência Emocional, significa que aprenderemos mais sobre ter percepção e domínio das próprias emoções, controlando melhor suas respostas emocionais e comportamentos, pulverizando no ambiente uma sensação de mais tranquilidade, paz, compreensão e acolhimento, entre outros.

Isto não significa que você vai se transformar em outra pessoa, fique tranquila!

Você vai aprender a canalizar suas emoções e sentimentos de forma a minimizar ansiedade, estresse, conflitos, brigas e discórdia, e assim, passando a respeitar e compreender sua história, acolher suas próprias demandas emocionais e assim ser menos dependente da opinião, gostos e julgamentos de outras pessoas.

Ter inteligência emocional nos traz autoconfiança, segurança, coragem, amor, respeito, compaixão e paz, possibilitando viver uma vida com mais plenitude.

 

O que são Emoções e Sentimentos?

como desenvolver inteligência emocional

EMOÇÃO do Latim significa EMOVERE, onde:

  • E = para fora
  • MOVERE = movimento

Emoção significa mover para fora – externar a emoção.

O nosso cérebro primitivo, sempre preocupado em garantir nossa sobrevivência, tem como ferramenta as emoções, pois, em caso de perigo ou risco de morte, a sua função é nos levar a uma ação ou movimento que proteja e garanta a vida. 

Emoções são descargas bioquímicas na nossa corrente sanguínea, e se manifestam no corpo. Exemplo: você sente um gelo na barriga = EMOÇÃO.

Sentimentos são os vários nomes que podemos dar às emoções.

Exemplo: você dá ao que sentiu na barriga o nome de MEDO/ANSIEDADE = SENTIMENTO.

Então, emoção sentimos no corpo e sentimento é o nome que damos a esta sensação física.

 

Como desenvolvemos nossas emoções?

como desenvolver inteligência emocional

Começamos a desenvolver nossas emoções ainda no útero materno, mas nessa fase sentimos apenas as sensações emocionais que nossa mamãe nos passa, ainda não temos entendimento, e mesmo assim, já damos significado a estas sensações que não compreendemos.

Ainda no útero, temos um grande contato com o medo e a rejeição, e quando nascemos ainda experimentamos a culpa e a carência, mesmo que sejamos fruto do amor de nossos pais.

Assim, quando nascemos, já trazemos a gênese dos nossos programas emocionais, que são a forma como vamos reagir ao mundo, para que consigamos o que é mais importante para o ser humano em qualquer momento da sua vida, mas especialmente na primeira infância: amor, aceitação e cuidados.

Conforme vamos nos relacionando com nossos cuidadores e com o ambiente, vamos aprendemos o que temos que fazer para conseguir a atenção e o reconhecimento que queremos ou precisamos.

Entre faltas e excessos, vamos construindo nossa personalidade e nossos padrões emocionais, que vão gerar nossos comportamentos e as nossas respostas emocionais.

Este processo se completará por volta dos 6 ou 7 anos de idade, quando nosso cérebro emocional estará completo.

A partir desta tenra idade, repetiremos o padrão emocional e comportamental aprendido, inconscientemente, pelo resto de nossas vidas. Ou até que a dor ou sofrimento, nos ajude a ganhar a consciência necessária para curar nossa criança interior e mudar esta história, encontrando paz interior e experimentando uma vida com mais plenitude.

 

As 5 emoções básicas da Inteligência Emocional

como desenvolver inteligência emocional

Na Inteligência Emocional, trabalhamos as 5 emoções raízes ou básicas, que chamamos de:

  1. TRISTEZA
  2. MEDO
  3. RAIVA
  4. ALEGRIA
  5. AMOR

Destas emoções, derivam muitos sentimentos, que passamos a reconhecer no processo de autoconhecimento emocional.

E percebemos que possivelmente o que aprendemos na infância sobre emoções e sentimentos estava errado, pois nos conectamos apenas com o lado negativo de cada uma delas.

Aprendemos que é errado manifestar raiva, que medo é para os fracos, ficar triste é fazer MIMIMI, ser alegre é ser boba e que sentir amor é vergonhoso.

É preciso ficar claro que não evitamos emoções, como já disse acima, emoções são descargas químicas em nosso corpo, são automáticas e não controlamos sua manifestação.

Mas podemos equilibrar as emoções, nos conectando com a sua polaridade positiva e assim controlar nossos comportamentos e respostas emocionais.

 

Inteligência Emocional na Prática: os 5 pilares

como desenvolver inteligência emocional

Segundo Daniel Goleman (escritor do livro Inteligência Emocional), “temperamento não é destino”, e qualquer pessoa pode desenvolver Inteligência Emocional.

Graças à nossa plasticidade cerebral, podemos criar conscientemente novas sinapses (comunicação elétrica do cérebro) e construir conscientemente novos caminhos neurais (desenvolver novas formas de sentir e pensar), gerando novos e autênticos comportamentos mais saudáveis e construtivos. 

Segundo Goleman, a Inteligência Emocional tem como base 5 pilares:

 

1. Autoconhecimento Emocional

como desenvolver inteligência emocional

Capacidade de reconhecer suas próprias emoções e sentimentos, sejam positivas ou bloqueios emocionais. A falta desta habilidade nos deixa a mercê das emoções, numa verdadeira montanha russa emocional;

2. Controle emocional

como desenvolver inteligência emocional

Habilidade de lidar com os próprios sentimentos, adequando-os a cada situação, dando respostas emocionais mais assertivas.

3. Automotivação

como desenvolver inteligência emocional

Capacidade de dirigir suas emoções a fim de um objetivo maior, como um planejamento a médio/longo prazo. Se estivermos motivados, não desistiremos de algo que seja importante, por não conseguir esperar pela gratificação.

4. Empatia

como desenvolver inteligência emocional

Compreender e se colocar emocionalmente no lugar do outro. Permite reconhecer as necessidades e desejos do outro, propiciando a construção de relacionamentos mais saudáveis.

5. Relacionamentos Interpessoais

como desenvolver inteligência emocional

Os relacionamentos interpessoais falam sobre a habilidade de interação com outras pessoas, utilizando os 4 pilares anteriores, construindo relacionamentos saudáveis e respeitosos. 

 

Como desenvolver Inteligência Emocional? 4 passos

como desenvolver inteligência emocional

  1. Para aprender inteligência emocional é muito importante desenvolver a percepção de si mesmo e começar a observar-se constantemente, para perceber como as emoções se manifestam no seu corpo;
  2. Quando sente a descarga emocional, é preciso nomear a sensação. Fazendo isso durante algum tempo, vai perceber o padrão emocional ao qual você está preso(o);
  3. Respirar levando a respiração para o ventre, expandindo as costelas, criando um espaço físico interno, e uma resposta de relaxamento.
  4. Escolher o comportamento ou resposta emocional adequada à situação, de forma que todos se sintam considerados.

 

Inteligência Emocional e Vida profissional

Contrata-se pela competência e demite-se pelos comportamentos!

como desenvolver inteligência emocional

Se na vida pessoal, a Inteligência Emocional faz toda a diferença, na vida profissional ela é fundamental e quem tem esta habilidade está alguns passos à frente em um processo seletivo.

Hoje, Inteligência Emocional é considerada uma das dez competências mais importantes no mercado de trabalho.

Uma pessoa inteligente emocionalmente:

  • É mais resiliente;
  • Não se afeta com qualquer acontecimento;
  • Tem foco na solução;
  • Sabe superar dificuldades;
  • Sabe falar assertivamente com seus colegas de trabalho;
  • Está aberta a novos conteúdos e conhecimentos;
  • Gosta de aprender coisas novas
  • Émais feliz e bem resolvida com suas questões pessoais.

As pesquisas indicam que pessoas felizes são mais produtivas, éticas e geram um ambiente mais harmonioso! Todas as empresas rezam por profissionais assim.

Em um mundo que está se modernizando com foco na inteligência artificial, robótica e automatização, é muito importante que os seres humanos se diferenciem pela sua humanidade, pois não podemos competir com a produtividade de um robô.

O que nos faz humanos? O que nos diferencia de um robô? Por enquanto, ainda são nossos sentimentos e emoções, nossa empatia, nosso amor!

Quando conhecemos este potencial humano de forma positiva, descobrimos que é possível ter uma vida com mais plenitude, paz, felicidade e que tudo isso está dentro de nós.

Através de autoconhecimento, qualquer pessoa que esteja firme neste propósito pode alcançar esta transformação!

 

Vida Plena com Inteligência Emocional

como desenvolver inteligência emocional

Através deste aprendizado podemos integrar nosso mundo emocional e o nosso mundo racional, ou se preferir, integrar nossa criança interior com o nosso adulto, vivendo relacionamentos pessoais e profissionais mais sadios e produtivos, canalizando nossa energia para uma vida melhor.

Fica aqui o meu convite para você, que sofre com relacionamentos desgastantes, que sente que sua vida está estagnada, que sente uma potência interna, mas que não sente força para realizar seus sonhos: venha conhecer o PROGRAMA DE INTELIGÊNCIA EMOCIONAL.

Estruturado como uma terapia breve e pontual, em apenas 13 sessões, e de uma maneira profunda, você poderá transformar sua maneira de sentir, ressignificando suas crenças, curando suas feridas emocionais e mudando seus comportamentos. Reserve uma sessão!

Meus sinceros agradecimentos!

Programas de Desenvolvimento Pessoal * Inteligencia Emocional * Coaching * Respiracao Circular * Sessões e pacotes online ou presencial em Itajubá-MG, Lambari-MG, São Bernardo do Campo-SP e São Paulo-Capital!

AGENDAR!

Atende online
Presencial em São Bernardo do Campo - SP Presencial em Lambari - MG Presencial em Itajubá - MG Presencial em São Paulo - SP