Preto velho e preta velha: a sabedoria dos avós!

Conecte-se com a história e energia dessas entidades.
preto velho e preta velha - Orádia Porciúncula
Mais terapias de Marisilda Brochado
4.2/5 - (34 votos)

Neste artigo vamos entender quem são o Preto Velho e Preta Velha na Umbanda, sua história, nomes e função!

E para entender melhor a energia dessas entidades, gostaria de convidar a uma reflexão:

  • Sabe quando você está com sono, senta no colo do seu avô, e ouve suas histórias?
  • Ou naquelas tardes  de inverno, em que você vai pra cozinha e aprende a fazer bolinho de chuva com a sua avó?

Pois sim, essa é a energia dessas entidades sábias e amorosas: preto velho e preta velha.

Este artigo faz parte de uma série de artigos sobre Orixás: uma maneira de conhecer e honrar as matrizes culturais e espirituais africanas. Em honra e reverência aos nossos ancestrais, agradeço, me entrego e me coloco a serviço!


 

Quem é Preto Velho e Preta Velha?

Preto Velho e Preta Velha

Ilustração: Orádia Porciúncula

Os Pretos Velhos são conhecidos por sua especialidade em prestar auxílio em questões de saúde, seja física ou emocional.

Algumas pessoas também os chamam para ajudar em questões de emprego e família.

Preto Velho e Preta Velha tem um jeito simples de passar suas mensagens. Isso permite que possam falar também com uma camada da população brasileira que não se via representada e que não compreendia a linguagem utilizada em atendimentos realizados por médicos e médiuns cultos.

Nas consultas, os Pretos Velhos utilizam técnicas de benzimento e orientam sobre banhos de ervas, unguentos e chás.

Assim como os Indígenas e Caboclos, eles conhecem os segredos de uma infinidade de plantas sagradas. No entanto, as ervas que mais utilizam são:

  • O manjericão para elevar os pensamentos;
  • O alecrim para ajudar na saúde física;
  • A espada de São Jorge para proteção espiritual;
  • A arruda para descarrego e limpeza energética;
  • E a guiné para a prosperidade.

Com seus cachimbos ou cigarros de palha, os Pretos Velhos defumam as pessoas. A ação do fogo e do fumo “queima” as energias densas pesadas.

Suas magias milenares são chamadas de “mirongas”, cujo significado deriva da palavra “Milonga” do Quimbundo, língua falada em Angola. Refere-se ao mistério e a manipulação de energias.

 

Qual a função do Preto Velho? O que a Preta Velha faz?

Função do Preto Velho

Ilustração: Orádia Porciúncula

Os Pretos Velhos querem compartilhar seu conhecimento para o bem.

A sabedoria e “sexto sentido” que essas entidades possuem, tem relação com sua experiência de vida, a qual querem transmitir aos mais jovens.

Para homenagear e celebrar a origem das religiões de matriz africana, são denominados de Pretos Velhos e Pretas Velhas.

Essas entidades estão ligadas a Linha das Santas Almas e a vibração de Obaluaê. Mas também existem alguns ligados a outros Orixás, como a linha do Orixá Xangô.

Preto Velho na Umbanda representa resignação, humildade, superação, amor incondicional, simplicidade e caridade.

Eles trabalham com a caridade e cuidam de todas as pessoas que os procuram para melhorar a saúde, abrir caminhos e ter proteção no dia a dia.

Preto e Preta Velha na Umbanda também são “mandigueiros”, ou seja, desfazem magias, energias densas e “mau olhado”.

Quando Preto e Preta Velha chegam, o ambiente é tomado por calmaria, paz e amor, transmitindo a todos a energia de luz e de sabedoria.

Para a ocasião, os médiuns devem estar com roupas brancas, guia de contas, muita disposição e amor no coração, para ajudar quem precisa.

Muitas dessas entidades chegam de maneira lenta, demonstrando sua idade. Gostam de se sentar, fumar seu “pito” e ajudar aqueles que precisam com amor ao próximo, no divino e com a prática constante da caridade.

 

Preta e Preto Velho: história

Preta e Preto Velho História

Ilustração: Orádia Porciúncula

Os Pretos Velhos trazem todos os conhecimentos dos Orixás, pois o culto à Eles nasceu no continente africano.

Apesar de toda a história de dor, injustiça e sofrimento enfrentado pelos negros no Brasil, após passarem pela sofrida expiação, no período de escravidão, segundo a Umbanda, muitas dessas almas desencarnaram e alcançaram a evolução.

Foram acolhidos por Zambi e Oxalá na Aruanda e hoje em dia aparecem trazendo paz, sabedoria e amor: a si mesmo e ao próximo, através da humildade, caridade e no cumprimento da sua missão.

 

Qualidades

Oferenda Preto Velho

Ilustração: Orádia Porciúncula

  • Cores de Preto Velho: preto, branco e também o amarelo.
  • Como saudar preto velho: “Adorei as almas!”
  • Dia de Preto Velho: seu dia é segunda-feira e se comemora em 13 de maio.
  • Sincretismo: São Benedito
  • Oferenda para Preto Velho: café, fumo, bolo de fubá.

 

Tipos de Preto e Preta Velha: nomes

Nomes Preto e Preta Velha

Ilustração: Orádia Porciúncula

Os pretos velhos e as pretas velhas também são organizados em falages, nas quais, inúmeros espíritos se agrupam sob o mesmo nome.

Eles possuem diferentes arquétipos / qualidades, que podem ser identificadas em sua personalidade, dons, formas de agir e companhias:

Preto Velho: nomes mais conhecidos:

  • Pai Joaquim;
  • Pai Francisco;
  • Pai Maneco;
  • Pai João;
  • Pai José;
  • Pai Mané;
  • Pai Antônio;
  • Pai Roberto;
  • Pai Cipriano;
  • Pai Tomaz;
  • Pai Jobim;
  • Pai Roberto;
  • Pai Guiné;
  • Pai Jacó;
  • Pai Benedito;
  • Rei Congo,
  • Pai Anacleto.

Preta Velha: nomes mais conhecidos:

  • Vó Cambinda;
  • Vó Cecília;
  • Vó Maria Conga;
  • Vó Catarina;
  • Vó Ana;
  • Vó Quitéria;
  • Vó Benedita;
  • Vó Cambinda;
  • Vó Rita;
  • Vó Rosa;
  • Tia Catarina;
  • Tia Luiza;
  • Mãe Justina;
  • Maria Maria.

Geralmente, a esses nomes são adicionadas também suas localidades, como por exemplo: Pai João de Angola, Pai José de Aruanda, Mãe Maria de Minas, Pai João do Congo e assim por diante.

 

Como se conectar com os Pretos Velhos?

Como se conectar com os Pretos Velhos

Ilustração: Orádia Porciúncula

Em seguida vamos conhecer uma simpatia, oração, poema e música para os Pretos Velhos.

 

Simpatia e Oração para Preto Velho

Simpatia e Oração

Ilustração: Orádia Porciúncula

Para faze essa prece, reúna:

  • 1 vela palito branca;
  • Um galinho de arruda, guiné e alecrim;
  • Um copo de água mineral;
  • E uma xícara de café.

Acenda a vela branca e ofereça para os Pretos Velhos em um local sagrado de sua casa. Dentro do copo com água, coloque as ervas e, junto, ofereça a xícara de café. Em seguida, faça a oração abaixo:

“Amado(a) Preto(a) Velho(a), de joelhos peço a vossa presença ao meu lado direito e que, através do meu lado sagrado, vós possais auxiliar-me e amparar-me neste momento de minha vida.

Peço ao senhor(a) que me equilibre energeticamente e acalme meu coração para que, equilibrado, eu possa direcionar meus pensamentos e escutar as vossas palavras através do meu eu interior.

Os meus desejos e pensamentos já foram registrados nas telas vibratórias divinas e já estou sendo irradiado pelas esferas afins com meu estado de espírito ao qual me encontro nesse momento. Em sua imensa luz e sabedoria, interceda por mim, para que eu possa ser auxiliada pelas hierarquias de luz a qual estou ligado. Mostre-me meus erros para que consciente deles possa retificá-los.

Ó, meu amado Preto(a) Velho(a), seja a guia que me conduzirá a senda evolutiva do Divino Criador nesta terra de meu Deus. Remova todos os buracos, pedras e obstáculos que tem me prejudicado.

Nunca deixe faltar a sabedoria necessária para que eu possa tomar as decisões certas e assim remover as situações que me perturbam. Nunca deixe faltar saúde em meu corpo material, pois sem ela não consigo viver dignamente nesta terra. Nunca deixe faltar o alimento de todo dia. Nunca deixe faltar esperança em realizar os meus sonhos e projetos.

Em sua morada espiritual, zele por mim nesta Terra de meu Deus”.

 

Um poema aos Pretos Velhos de Nanã

Poema aos Pretos Velhos

Ilustração: Orádia Porciúncula

Os pretos velhos ligados a Orixá Nanã Buruque são mais raros e demonstram ter a idade mais avançada.

São especialistas em conselhos sobre moral e karma. Atuam também ao lado de Iansã – Oyá e Orixá Obaluaiê, conduzindo eguns (espíritos desencarnados).

Falam rígido, com seriedade, sabedoria e muito respeito. Não admitem injustiça e prezam a gratidão.

Homenageio a seguir todas as Pretas Velhas e Pretos Velhos, através da vovó Maria Conga com o poema que escrevi:

 Arruda da Vovó

Vovó  Maria Conga 

Gosta de alegria

Não é  de brincadeira

Mas canta todo dia

 

Vovó  Maria Conga 

Vem nesse terreiro

Trazendo sua arruda

E seu mandigueiro

 

Vovó Maria Conga 

Sempre abençoa 

Conta suas história 

E a nossa mente voa

 

E com muita honra 

Gradeço sua  caridade

Ela vem de longe

É  nossa ancestralidade

Marisilda Brochado

 

Preto Velho – Música

 


Para potencializar a realização de seus objetivos, agende uma sessão de Terapia Holística para se conectar aos seus Guias Espirituais!

4.2/5 - (34 votos)
As Terapias Holísticas e Integrativas são complementares à medicina alopática, e não devem substituir nenhuma consulta e/ou tratamento médico.
Atenção: este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida.
Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br. Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.
Política de Privacidade | Termos de Uso
Copyright © 2018 Guia da Alma. Todos os direitos reservados.
Feito com Luz e Amor em Florianópolis!
Por InCuca