DNA Alquímico: ressignificando padrões

Saiba como os Florais Joel Aleixo trabalham com heranças familiares.
guia-da-alma-dna-alquimico-serpente-lunar-solar

Conheça o DNA Alquímico: uma vertente da alquimia de Joel Aleixo, que fala sobre nossa herança genética, a energia dos antepassados e como podemos ressignificar padrões.

Eu sou Maíra Antunes, terapeuta floral e alquimista.


O caminho do autoconhecimento

Há momentos que, se não ouvirmos nossas necessidades, os outros não saberão identificá-las ou reconhecê-las.

Há momentos que, se eu não me colocar como prioridade, o outro não me colocará como prioridade na vida dele.

Há momentos que, se eu não escutar aquilo que lá dentro diz – uns podem chamar de Alma, outros de Intuição, outros de Eu superior, outros de Coração -, o outro tenderá não fazer isso por mim.

Há momentos que, tenho medo de dizer o que sinto, pois o outro poderá me julgar e me recriminar.

Há momentos que, se eu não colocar para fora e não tiver consciência do que é aquele nó na garganta, aquele soco no estômago, aquele tremor no corpo inteiro, o outro não saberá que isso acontece comigo quando ele age ou fala de determinada maneira.

Há momentos que me imagino fazendo várias coisas, sinto que é um desejo de alma, mas logo penso que os outros não aprovarão, preocupo-me com o que vão pensar, e acabo não fazendo nada. Será que o outro tem esse “poder” sobre mim?

Há momentos que me exijo e me cobro tanto, mas mesmo assim não saio do lugar. Como posso exigir ou pedir algo para o outro?

Há momentos que não tenho amor por mim. Como posso dizer que amo e exigir amor do outro? E amor tem a ver com exigência?

Vivo em função do outro, penso no que seria melhor para o outro… E quando vou pensar e viver por e para mim? Quando esse dia chegará?

Chega! Está na hora de dar um basta nisso, está na hora de parar de me negligenciar, está na hora de parar de me anular, está na hora de parar de me CALAR!

Como posso eu querer transcender, ou querer ter mais consciência sobre mim, atingir maiores estados de consciência, sendo que, eu não estou fazendo o mínimo que é:  RESPEITAR-ME, OUVIR-ME, AMAR-ME?

Ressignificando padrões

Lendo o livro “Comunicação não-violenta” do Marshall B. Rosenberg e fazendo o curso do Caminho da comunicação Autêntica da Carolina Nalon, pude começar a ter um novo olhar sobre estes pontos.

Pude perceber em mim momentos em que me negligencio, que me calo mesmo com nó na garganta; que fico chateada, mas não expresso esse sentimento e minhas necessidades, fico com receio do que vão pensar… e lá no livro, Rosenberg fala que este é um padrão muito frequente nas mulheres, pois:

“… Durante séculos, a imagem da mulher amorosa tem sido associada ao sacrifício e a negação de suas próprias necessidades, com o objetivo de cuidar do outro. Devido ao fato de as mulheres serem socialmente ensinadas a considerar o cuidado com os outros como sua maior obrigação, elas muitas vezes aprenderam a ignorar as próprias necessidades”.

Marshall B. Rosenberg

E não só vejo isso em mim, mas em mulheres da minha família, em amigas, em clientes e em homens. Tudo isso veio para me mostrar um alerta, porque acontece todos os dias, há muitos anos e até mesmo gerações.

Fico triste em reconhecer que estou neste padrão há muito tempo e que existem muitas pessoas que estão nele também e nem sabem que estão. Muito menos sabem que, com muito amor, conhecimento, paciência, autocuidado e ferramentas eficazes, podemos sim, reverter e começarmos a ressignificar a forma como nos relacionamos conosco e com os outros.

Muitos dos padrões que temos dificuldade em ressignificar podem estar relacionados com aspectos que herdamos dos nossos pais e das pessoas e ambientes que convivemos durante a infância. Com o passar dos anos, caso não tomarmos consciência deles, sem percebermos, estaremos alimentando-os e eles “parecem” fazer parte de nós.

O DNA Alquímico

Nos Florais Joel Aleixo, há um tratamento chamado DNA Alquímico, onde o indivíduo consegue entrar em contato com sua herança genética – aspectos tanto por parte do pai (chamamos de Serpente Solar), quanto aspectos por parte da mãe (chamada de Serpente Lunar).

Assim, tudo aquilo que herdamos em nível emocional e físico de nossos antepassados, mas que não faz parte de nossa essência, é trazido à consciência para que nos libertemos de uma bagagem genética que não nos interessa e possamos viver de acordo com nosso verdadeiro ser.

guia-da-alma-cromoterapia-cores-chakras-gif-Chamamos de serpentes os meridianos hormonais que regem os chakras (centros energéticos). A serpente do pai rege os chakras: 1º, 3º e 5º, tem energia dos elementos fogo e terra e sua natureza é quente e seca. A serpente da mãe rege  2º, 4º e 6º chakras e tem energia dos elementos Água e Ar e sua natureza é fria e úmida.

As duas serpentes se encontram no chakra coronário, à meia noite, proporcionando um equilíbrio das naturezas quente e seca, úmida e fria. Esse encontro só acontece se o corpo estiver em repouso, na horizontal, durante o sono. Possibilitando um sono tranquilo, reparador e restaurativo. Cada serpente tem relação com determinados aspectos.

A Serpente Solar e a Serpente Lunar

guia-da-alma-dna-alquímico-serpente-lunar-solarSerpente Solar: Ação, consciente, extroversão, lado direito, executar, iniciativa, lógica, emoção, tendência a ter dificuldade de relaxar e se envolver com atividades relaxantes, entre outros.
Serpente Lunar: Passividade, inconsciente, introversão, lado esquerdo, criar, intuição, sonhar, sentimentos, tendência a ter dificuldade em lidar com a matéria e com trabalhos que exigem força física, entre outros.

chakra-laringeo-dna-alquímicoTodos nós temos as duas serpentes presentes, porém há uma que sofre maior influência.

Como por exemplo, no caso onde relato, não conseguir me expressar, me posicionar, falar sobre meus sentimentos e necessidades,  isto tem a ver, para a Alquimia, com o 5º Chakra – chamado Laríngeo, que faz parte da Serpente Solar.

Uma possibilidade, pode ser que a energia de expressar os sentimentos que a pessoa herdou dos seus pais (ou de um deles, ou herdou das pessoas com quem conviveu na infância) pode estar fraca e em consequência disto, a pessoa terá dificuldade em se expressar. Os desequilíbrios podem se manifestar em mais chakras ao mesmo tempo. No momento, falarei somente deste, e os demais abordarei em outros artigos.

Também pode ter uma relação com a Serpente Solar. O fato de não estar se expressando, não tendo atitude de ação, posicionamento, ímpeto, faz com que esta Serpente esteja enfraquecida ou com muita sujeira, (aspectos/padrões que não nos auxiliam) e precisa ser limpa, purificada.

Para a Alquimia, podemos fazer diferentes tratamentos para o mesmo caso, dependendo do ponto de vista do alquimista e também das necessidades do cliente.

O tratamento de DNA Alquímico vem justamente para auxiliar, tanto a limpar estes aspectos que impedem de agir de maneira autêntica e verdadeira, quanto fortalecer os aspectos que herdamos e que fazem parte do nosso ser.

Quer saber mais sobre o DNA Alquímico e os Florais Joel Aleixo? Deixe um recado aqui embaixo, ou agende sua sessão de Florais comigo!

Naturóloga, Alquimista e Terapeuta Floral. Atendimentos com Florais Joel Aleixo, Mapa Astral Alquímico e Tarot Alquímico. Agende sua sessão online e presencial em Florianópolis, São José e Governador Celso Ramos - SC! :)

AGENDAR!

Atende online
Presencial em Governador Celso Ramos - SC Presencial em Florianópolis - SC Presencial em São José - SC

Agende uma sessão de Florais Joel Aleixo!


Terapeutas Guia da Alma estão te esperando!