Como ser Terapeuta? Guia sobre o Propósito de Ser Terapeuta!

Meu propósito é ser Terapeuta? O que devo fazer para começar minha carreira com sucesso? Descubra!
Como ser Terapeuta - Mulher feliz sorrindo com seu Propósito de ser Terapeuta

Muitas pessoas estão em busca do seu propósito de vida e de um sentido maior em suas profissões.

E nessa busca, algumas delas percebem que encontram o seu propósito quando trabalham para ajudar outras pessoas em suas trajetórias, seja contribuindo com sua cura física, emocional e mental, seja ajudando no processo de transformação e desenvolvimento pessoal ou profissional. Ou mesmo colaborando com a sensação de bem-estar e expansão da consciência.

É quando percebem que podem se tornar terapeutas, coaches, professores de yoga e meditação, dentre várias outras alternativas!

Geralmente, a descoberta do seu propósito, da sua missão aqui na Terra, vem a partir de um processo de autoconhecimento profundo.

E após a descoberta do que te motiva na vida e do caminho por onde você quer seguir, chega o momento de traçar o passo a passo para chegar lá, para construir a sua carreira com propósito.

Neste artigo, eu vou compartilhar com você algumas dicas dos caminhos a serem percorridos se você descobriu que o seu propósito é ser Terapeuta, Coach ou Profissional da área do Bem-estar. Vem comigo?

Sou Patrícia Souto, Coach de Carreira e Bem-Estar, terapeuta holística e facilitadora do curso online Propósito Terapeuta.


Sinais que indicam que você tem o dom de ser Terapeuta

mulheres meditando e sorrindo bem-estar

Primeiramente, se ainda está se perguntando “se tem o dom para ser terapeuta”, ou “quem pode ser terapeuta holístico”, aqui estão alguns sinais de que você tem um grande potencial de ser bom nisso:

  • Você se incomoda ou se importa com os problemas do mundo;
  • Você quer contribuir com uma melhora no mundo e na vida das pessoas;
  • Você gosta de ajudar as pessoas e se sente satisfeito quando consegue;
  • Você tem comprometimento em ajudar os outros e não desiste fácil de alguém que precisa de ajuda;
  • Você consegue ter empatia (a capacidade de se colocar no lugar do outro) e sabe suspender o julgamento na hora de ouvir e ajudar alguém;
  • Você fala dos problemas da sua vida e da sua família, mas não com tom de crítica, mas com intenção real de ajudar e encontrar soluções;
  • Você foca nos aprendizados e busca cura para si e para os outros;
  • Muitos amigos procuram sua ajuda, seu acolhimento e seus conselhos quando estão com algum problema (e você percebe que consegue ajudá-los);
  • Você se interessa em estudar assuntos relacionados à saúde, bem-estar, comportamento humano etc.

Se você se identifica com todas ou boa parte dessas características, há uma grande chance de, sim, você ter dom para ser terapeuta.

Outro sinal é: vá a uma consulta com um ou mais terapeutas holísticos e veja como se sente.

Se você se identificar e gostar tanto do atendimento a ponto de ter vontade de sair contando para todo mundo, de compartilhar os benefícios que enxergou com outras pessoas, e de aprender a fazer isso também, é mais um sinal de que você tem inclinação a ser um terapeuta holístico.

Como ser Terapeuta? Passo a passo para começar a carreira!

Como ser Terapeuta - Mulher feliz sorrindo com seu Propósito de ser Terapeuta

Quero ser Terapeuta e agora? Confira dicas essenciais!

1. Escolher qual o tipo de Terapia

O primeiro passo para ser um terapeuta é entender melhor sobre que tipo de terapeuta você quer ser: um psicólogo, psicanalista, terapeuta holístico… ou ainda um life coach ou professor de Yoga.

Dentro das terapias holísticas, você encontra diversas possibilidades, como Reiki, Thetahealing, Florais de Bach, Florais de Saint Germain, Aromaterapia, Cristaloterapia, Yoga Massagem Ayurvédica, Terapia Ayurveda, Acupuntura, Massagem Relaxante, Gineterapia, Terapia Tântrica, Bioenergética, Constelação Familiar, Fitoterapia, Hipnoterapia, entre várias outras.

Terapia holística, só para deixar claro, é toda terapia alternativa que considera o ser humano como um todo, em seus aspectos físico, mental, emocional, energético e social.

Então, seja curioso. Leia a respeito das diferentes técnicas terapêuticas disponíveis e encontre aquelas com as quais você se identifica mais.

2. Vivenciar a Terapia

Após escolher qual a sua área de preferência, a minha sugestão é que, antes de você iniciar um curso de formação nessa ou naquela técnica, procure se atender com um profissional especializado na área.

Porque uma coisa é ter o conhecimento teórico e outra é vivenciar a experiência na prática.

Além disso, você será um terapeuta muito melhor se já tiver trabalhado e curado muitas das suas feridas emocionais.

Ao experimentar diferentes técnicas terapêuticas, você sentirá na pele o que cada uma proporcionou a você e poderá ter uma noção maior de com quais você se identifica mais.

3. Fazer formações como Terapeuta

O passo seguinte é buscar cursos de formação nas técnicas que te provocaram maior interesse.

Faça aulas e vivências, estude, aprofunde-se, converse com outros profissionais da área, pratique! E sempre que surgirem dúvidas, vá atrás de saná-las.

Para ser Coach, Instrutor de Yoga ou Terapeuta Holístico não é preciso faculdade. Mas você precisa (e deve) fazer curso para ser terapeuta com instituições e profissionais certificados e confiáveis para que seja habilitado na área.

4. Entender que terapeutas também precisam de Terapia

Não é porque você resolveu ser terapeuta que todos os seus problemas estão resolvidos e você está pleno. Você é um ser humano e também tem seus altos e baixos, suas crises existenciais e questões emocionais para resolver.

Você também pode se envolver em problemas familiares, ter que enfrentar momentos de dúvidas e inseguranças ou términos de relacionamentos. E tá tudo bem! Isso não te descaracteriza como um bom terapeuta.

Quando estamos imersos numa situação, é mais difícil ter uma visão analítica do todo. Ainda mais se existem vários setores que estão bagunçados em nossas vidas ou acumulamos muitas questões mal resolvidas ao longo do tempo.

O olhar de fora de um profissional ajuda (e muito!) a resolver as suas questões. Então, de tempos em tempos, busque um terapeuta para te ajudar nesses processos internos. 

Inclusive, como você pôde ver, existem várias técnicas terapêuticas que são complementares entre si e que podem somar bastante na sua experiência pessoal. Talvez até tragam insights que podem ajudar ainda mais seus clientes.

Sem falar que sempre é uma oportunidade de você observar a forma de outros profissionais trabalharem e atenderem, para você criar seu próprio modelo de atendimento de acordo com o que enxerga de positivo nos outros terapeutas.

5. Trabalhar suas crenças limitantes

Mulher em dúvida sobre como ser Terapeuta

Não caia na besteira de achar que só quando você já tiver curado tudo em si mesmo e estiver pleno é que poderá realmente ajudar outras pessoas.

Essa é uma crença limitante presente em muitos terapeutas que estão começando. Da mesma forma em que, mesmo tendo seus problemas, você conseguiu acolher a ajudar amigos que procuraram seu apoio, você também pode ser um excelente terapeuta ainda que tenha seus problemas.

A vida é feita de ciclos e todo mundo passa por altos e baixos. O aprendizado e a evolução são para a vida inteira. Você pode (e deve!) buscar curar suas feridas emocionais, se conhecer e entender melhor o seu funcionamento.

E por mais que você se sinta em equilíbrio e pleno após alguns processos, de tempos em tempos, novas questões virão à tona para serem trabalhadas. E tá tudo bem! É por isso que terapeuta também precisa de terapeuta.

Outra crença limitante bastante presente em terapeutas que estão começando é achar que nunca sabem o bastante e que só poderão atender quando aprenderem tudo. A questão é que você nunca vai se sentir seguro o bastante, porque sempre haverá algo novo a aprender.

Então, estude, sim, se aprofunde, tire suas dúvidas, mas coloque em prática. Porque você só se sentirá mais seguro para atender conforme for colocando em prática seus aprendizados, testando, sentindo o terreno e promovendo mudanças e melhorias. Uma forma de se sentir mais seguro antes de atender é fazer atendimentos voluntários ou estágio.

No lugar de ficar se comparando com outros profissionais que já estão atendendo há um bom tempo, tenha eles como inspiração e busque compreender como foi o passo a passo para eles chegarem onde estão. Ninguém começa já no topo.

Identifique que crenças estão travando seu sucesso profissional e busque quebrá-las. 

6. Saber que nem sempre é fácil

O começo de qualquer carreira pode parecer desafiador. Então, tenha em mente suas reais motivações.

Nunca é tarde para começar. Lembre-se do que te levou a escolher esse caminho, lembre-se do seu propósito e tenha a certeza de que não é uma questão de SE você terá sucesso como terapeuta, mas de QUANDO.

7. Aprender a divulgar o trabalho como Terapeuta

Como ser Terapeuta - Mulher em computador sorrindo com seu Propósito de ser Terapeuta

Depois de se formar como terapeuta, você precisa encontrar meios de divulgar o seu trabalho. Você pode contar com o boca a boca, mas para quem está começando, os resultados a partir disso podem demorar.

Existem diferentes maneiras de você divulgar seu trabalho como terapeuta de forma humanizada, sem aquele marketing de interrupções, que empurra produtos e serviços goela abaixo.

Inclusive, se você tem crenças limitantes em relação ao marketing, à divulgação do seu trabalho e em cobrar pelos seus serviços, está mais do que na hora de quebrar isso.

O Marketing Digital por meio da publicação de conteúdos que gerem valor ao público tem se mostrado excelente para profissionais da área da saúde e bem-estar, incluindo terapeutas, psicólogos, nutricionistas, life coaches e professores de Yoga. Também pode trazer bons resultados para espaços terapêuticos.


Viva bem trabalhando com o que ama!

Conheça o Propósito Terapeuta!

Curso 100% online, com vídeo-aulas e materiais de apoio baseados em 2 pilares: estruturação de carreira para terapeutas e profissionais do bem-estar (com atividades de Coaching especialmente preparadas para isso) e todas as noções de Marketing Digital que você precisa para divulgar seu trabalho como terapeuta.

Profissão Terapeuta Holístico


A satisfação de trabalhar como Terapeuta

Mulher em Namaste: Satisfação em ser Terapeuta

Eu gostaria de finalizar este artigo falando um pouco sobre minha experiência profissional. Eu sou publicitária de formação e trabalhei bastante tempo com Marketing, para diversos segmentos.

Porém, chegou um momento em que eu sentia falta de um propósito maior por trás do que eu fazia e, após uma baita crise existencial, mudei de cidade e entrei num processo de autoconhecimento profundo.

Foi quando decidi fazer uma transição de carreira para Terapeuta e buscar outros cursos de formação, mais alinhados com o que eu acreditava ser o meu propósito: ajudar as pessoas em seus processos de autoconhecimento, cura, transformação, desenvolvimento pessoal e profissional e expansão da consciência.

Primeiramente, fiz um curso de formação em Self and Professional Coaching pelo IBC, que foi transformador e me ajudou a curar muitas feridas emocionais e expandir meu autoconhecimento. Além disso, serviu como ferramenta para estruturar minha nova carreira e poder ajudar outras pessoas.

Então, fiz cursos de formação para atender com as técnicas terapêuticas com as quais me identifiquei: Thetahealing (básico e avançado), Reiki (níveis I e II), Massagem Tântrica e Meditação.

Passei por uma fase de transição de carreira até atender apenas como coach e terapeuta holística. Ao longo desse processo, idealizei e elaborei o curso online Propósito Terapeuta, em parceria com o Guia da Alma.

Foi uma forma de ajudar outros terapeutas em seus propósitos e utilizar minha formação e experiência profissional com algo em que acredito. Confira um pouco mais da minha história neste vídeo do Propósito Terapeuta!

Posteriormente, também fiz um curso de formação em Hatha Yoga e de Psicoterapeuta Holística Integrativa (sim, eu amo estudar e nunca paro!).

Hoje, tenho a alegria e satisfação de viver da profissão na qual eu acredito. Vivo do meu propósito, amo o que faço e fico radiante sempre que percebo que contribuí, de alguma forma, para proporcionar transformação e ajudar na cura e bem-estar aos meus clientes.

E realizo programas de carreira com propósito personalizados e em grupo, onde ajudo você a encontrar o seu Propósito, através de ferramentas do Coaching.

Gratidão! Como conselho final deste artigo, farei minhas as palavras de Jung:

“Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana.”

Carl Jung

Coach e terapeuta holística, especializada em Thetahealing, Reiki e Meditação

AGENDAR!

Atende online
Presencial em Florianópolis - SC