Como divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada

Veja como marketing é sobre construir relacionamentos!
duas pessoas em celulares trocando conteúdos de amor -Como divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada

O terapeuta, assim como qualquer outro profissional, precisa divulgar seus serviços para expandir sua prática. Como esperar ter mais clientes sem que eles saibam que você existe?

Contar com a ajuda do marketing para isso é fundamental. E o lado bom é que o marketing mudou! É nítido ver muitas empresas investindo em criar ambientes, sensações e sentimentos para quem consome seus produtos e serviços.

Sou Liana Chiaradia, cofundadora e CMO do Guia da Alma. Vem comigo!

Hoje vou te mostrar como divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada. O que envolve essa essência do novo marketing e algumas boas práticas para você aplicar o quanto antes e levar sua terapia até mais pessoas.


 

Marketing é sobre construir relacionamentos

duas pessoas em celulares trocando conteúdos de amor -Como divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada

Imagens do artigo: Freepik

Em essência, marketing humanizado é sobre construir relacionamentos. Para fazer isso, precisamos construir confiança. Então, por que alguns profissionais ainda ignoram isso?

Tratar pessoas como “uma venda” em vez de humanos. Isso simplesmente não funciona mais. Isso não leva a nenhum nível de sucesso e desumaniza qualquer estratégia de marketing.

Por exemplo, podemos sentir quando algum vendedor está tentando nos empurrar algo, não é mesmo? É desumano.

Mas, nós também reconhecemos quando alguém se importa conosco. Sentimos quando uma pessoa quer nos ajudar e ela não está tentando nos empurrar algo ou nos manipular para uma compra.

O antigo marketing 2.0, que tem como característica ser mais invasivo, tem cada vez funcionado menos, pois as pessoas querem ser conscientes e responsáveis sobre suas escolhas. E no mercado de terapias holísticas vemos isso de maneira ainda mais clara!

É aqui que entra o novo Marketing Humanizado (4.0) de Philip Kotler – pai do marketing. As terapias não podem ser simplesmente vendidas como um produto, pois elas são uma experiência! E o paciente deve se sentir à vontade para escolher uma terapia, bem como, seu Terapeuta!

Por isso, tire crenças sobre “não fazer marketing” que têm limitado sua divulgação. Existe uma nova maneira de fazer isso! Trabalhe com uma comunicação e atendimento verdadeiros, através do Marketing Humanizado para Terapeutas.

 

Marketing Humanizado: Foque no cliente

muher dançando feliz na rua - cliente satisfeita

As empresas que focam no cliente são apaixonadas e realmente acreditam que o cliente vem em primeiro lugar. Elas acreditam que sem o cliente, elas não podem ter sucesso nos negócios (o que é verdade!).

Para você divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada é essencial focar no cliente desde a criação e distribuição do conteúdo até a interação com os clientes.

Focar no cliente é falar e interagir diretamente com ele, da forma mais personalizada possível.

Durante as sessões de terapias, sua relação com seus clientes já é próxima, mas é preciso aproximar a relação no mundo digital também.

Crie conteúdos e postagens para seus clientes (e prospects): descubra o que eles gostariam de saber e converse com eles!

Aproveite as ferramentas oferecidas pelas redes sociais para fazer enquetes e vídeos ao vivo. Pergunte a sua opinião em posts. Converse com eles por mensagens diretas! E peça por avaliações e feedbacks! 🙂

 

Marketing inclusivo e com empatia

Na nova Era, buscamos por uma compreensão maior de que todos somos igualmente humanos! E tentamos quebrar crenças limitantes e esteriótipos impostos pela sociedade (que são muitas vezes responsáveis por problemas emocionais relacionados a autoestima e fobia social, por exemplo).

Nas palavras de Philip Kotler, no Marketing estamos vivendo um cenário mais “horizontal, inclusivo e social”. A era centrada no ser humano”, onde as empresas precisam desenvolver o lado humano de suas marcas para conversar sobre os desejos e anseios de seus consumidores.

Conteúdos inclusivos se comunicam com pessoas, sem distinção de gênero, etnia ou a situação socioeconômica. Isso não quer dizer que não precise focar em um nicho, mas sua linguagem deve ser clara, horizontal, não-violenta, compreensível, sem gênero, sem discriminação.

Não reforce os padrões de beleza impostos: utilize pessoas reais em suas postagens, sempre que possível. Mostre seus bastidores, não apenas o palco.

Você pode trazer o bom humor para algumas postagens, claro! Mas tome o cuidado para não ofender ninguém. Conteúdos preconceituosos não fazem parte de um marketing humanizado.

 

Seja ético em seu Marketing

O marketing ético faz uma diferença inegável na reputação de uma empresa e, consequentemente, no seu sucesso. Você deve seguir essa premissa na divulgação do seu trabalho como terapeuta.

Um marketing ético e humanizado, antes de tudo, se baseia em oferecer e divulgar serviços seguros e apropriados para seu público-alvo, acompanhados de informações claras sobre suas funções e efeitos.

O que você nunca deve fazer é:

  • Dar falsas promessas ou prometer algo que você não poderá cumprir;
  • Fazer divulgações sensacionalistas sobre seus serviços;
  • Utilizar materiais de outras pessoas sem citar autoria;
  • Ignorar as regras de proteção de dados.

No Brasil, em agosto de 2018 foi sancionada a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, que entra em vigor em janeiro de 2020. As pessoas poderão saber como as empresas públicas e privadas coletam, armazenam e com quem compartilham seus dados pessoais.

Elas também terão direito à revogação, portabilidade e à retificação dos dados. Ah, e a Lei vale tanto para o digital, quanto para o offline, viu?

Assim, sempre é bom lembrar: nunca compartilhe os dados pessoais dos seus clientes. Não passe listas de e-mails para outras pessoas ou envie conteúdo a quem não solicitou receber seus materiais, por exemplo.

 

Humanização em todas as etapas

Vejo muitos Terapeutas confundirem algumas etapas do processo de conquista de um cliente: marketing, atendimento e vendas são coisas que andam juntas, mas são diferentes.

O Marketing Digital te auxilia a ter autoridade e expandir o alcance do seu trabalho, mas na maioria das vezes não faz as vendas sozinho, nem é um substituto para abordagens comerciais.

Mesmo com um marketing muito bem feito, você precisa reservar tempo para se dedicar ao atendimento e à área comercial do seu empreendimento: tirar dúvidas de possíveis clientes ou de já atendidos, fazer cobranças, agendar horários, vender o seu peixe.

Provavelmente você já desistiu de comprar algo ou ficou desmotivado(a) por causa de um mau atendimento! E isso se torna ainda mais complexo quando o que você vende é uma experiência (terapia). Por isso, a importância de um acompanhamento humanizado do cliente em todas as etapas.

E um bom planejamento também! Tenha estratégias de marketing para atrair leads (potenciais clientes) qualificados. Assim, seu atendimento é mais focado e suas vendas mais certeiras.

 

Marketing de Conteúdo: Compartilhe seu conhecimento

mulher escrevendo e aprendendo como divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada através do conteúdo

O marketing humanizado é movido por uma grande força: o marketing de conteúdo. Sem conteúdo relevante, todos os seus esforços para fazer um marketing humanizado e aumentar sua base de clientes serão praticamente em vão, independentemente de quão bom terapeuta você seja.

Marketing de conteúdo é o que chamamos de mídia própria. É qualquer coisa que você produz – posts, artigos, podcasts, vídeos, eBooks – para aumentar sua presença online dando informação para seu público.

A vantagem, é claro, é compartilhar a sua história, os seus conhecimentos e ter contato direto aos seus clientes e possíveis clientes, criando um forte relacionamento e se tornando autoridade no tema.

Através do conteúdo, você ajuda a “educar” o mercado, levando a compreensão das possibilidades e benefícios das Terapias a mais pessoas. E os meios digitais ajudam a expandir mais ainda sua comunicação!

Além de produzir o conteúdo em um website (como o site/blog), você pode (e deve!) compartilhar seu material adaptado para canais diferentes, como Instagram, Whatsapp Business, Facebook e lista de e-mails. Assim, você será capaz de divulgar o trabalho de terapeuta de maneira mais ampla. As opções são inúmeras!

Parece complicado? Não se preocupe! Vou te ajudar a descobrir quais conteúdos você pode criar e como transformá-los em diferentes formatos para outros canais.

Montei um artigo bem prático, mas caso ainda não conheça nada sobre marketing, você pode acessar nossa Aula Gratuita sobre os Conceitos Básicos de Marketing para Terapeutas antes de continuar a leitura, ok? Ali falamos sobre o que é e o que não é Marketing e os principais tipos.

 

4 Dicas de conteúdos para divulgar o trabalho de terapeuta

Crie conteúdos interessantes para seu público-alvo! Coloque-se no lugar deles! O que eles gostariam de ler? Será que eles irão encontrar seu conteúdo focando na terapia, ou pesquisando sobre uma doença específica?

Utilize uma linguagem clara, acessível e humanizada! Fale sobre as dores de seus pacientes, soluções através das suas Terapias, resultados obtidos, como funciona a terapia, depoimentos e dicas!

Muitos Terapeutas me dizem: “Fiz uma promoção de terapia, mas ninguém interagiu”. Será que quem acompanha o seu trabalho já estava pronto para comprar a sua Terapia? Você educou seu público antes? Eles sabem os benefícios da sua Terapia a ponto de investirem nisso e verem valor em aproveitar uma promoção? Eles confiam no seu trabalho?

No Marketing, falamos que um cliente deve passar por etapas de educação, até estar pronto para decidir comprar. Neste artigo não vou me aprofundar em cada uma destas etapas. Mas vou dar dicas e ideias valiosas para você criar seu conteúdo! Vamos lá?

Ps. Se você tem interesse em saber mais sobre cada uma destas etapas de maneira completa, conheça o curso online Propósito Terapeuta. Ali dou videoaulas especiais mostrando como criar conteúdos específicos para esta jornada de compra.

Mas então, que tipo de conteúdo fazer?

Todos os profissionais se deparam com essa questão. E isso faz sentido, pois as possibilidades do que escrever ou sobre o que escrever são praticamente infinitas.

Há algumas potenciais fontes de inspiração:

  • Você pode analisar sobre o que os outros terapeutas estão escrevendo;
  • Você pode pesquisar sobre o que é tendência no mundo das terapias na sua área;
  • Você pode escrever sobre seu atendimento, relatos e estudos de caso de sucesso.

Todas essas são opções válidas. Vamos destacar quatro tópicos:

 

1. Responda a perguntas do seu público

Se você está no mercado há algum tempo, é provável que você receba as mesmas perguntas várias vezes. Essas são as perguntas de ouro de marketing de conteúdo.

Imagine se, em vez de digitar manualmente as mesmas respostas por e-mail ou repetir infinitamente as mesmas conversas no WhatsApp, você poderia enviar aos clientes um post para a resposta super completa?

A criação de conteúdo que responde às principais perguntas do público-alvo é incrivelmente poderosa para o marketing de conteúdo porque você sabe que as pessoas já estão interessadas nelas. Alguns exemplos:

  • Você pode abordar as preocupações dos clientes em potencial;
    • Ex: Como funciona uma sessão de terapia (específica do seu nicho)?
  • Você pode responder às perguntas dos clientes existentes;
    • Ex: Quais resultados esperar da terapia?

Verifique seus emails recebidos, mensagens de WhatsApp, lembre-se das ligações que você já recebeu. O que os potenciais clientes mais perguntam? E os clientes, durante as sessões?

Assim, um potencial cliente pode pesquisar por aquela pergunta e encontrar a resposta em seu conteúdo. Pode ser o começo de um relacionamento, afinal você estará ajudando ele, dando algo de valor no momento que ele precisa.

 

2. Mostre sua personalidade

Uma das suas maiores vantagens para os pequenos negócios e profissionais autônomos, como os terapeutas, é mostrar a sua personalidade como um diferencial. Você tem mais oportunidades de criar uma experiência personalizada para o público. Reflita:

  • Qual seu diferencial em relação aos outros terapeutas;
    • Ex: Quem é você, cursos que você realizou, sua trajetória, entre outros.
  • Que abordagem exclusiva você tem sobre os problemas de seu público;
    • Ex: Quais suas técnicas e diferenciais de trabalho?

Responda a estas perguntas como um exercício de autoconhecimento e aproveite para compartilhar com seu público. Eles precisam conhecer você para criar uma conexão. E se você fizer isto em formato de vídeo, maior ainda será esta conexão 🙂

Você também pode mostrar nas suas redes sociais: insights, seu dia a dia como terapeuta, registros de atendimentos realizados e cursos facilitados.

 

3. Conte histórias

Nunca subestime o poder da positividade! É isso que acontece quando você mostra o lado positivo da sua prática terapêutica com histórias de casos de sucesso.

Você pode compartilhar a sua história de superação. Ou então um estudo de caso conta a história de um de seus clientes, mostrando os resultados que essa pessoa alcançou, sugerindo que outros clientes possam alcançar esses resultados.

Peça autorização ao seu paciente e, quem sabe, peça a ele um depoimento para incluir no material.

Compreensivelmente, as pessoas estão mais abertas a escutar os terapeutas que têm uma taxa de sucesso positiva.

 

4. Inove com diferentes formatos de conteúdos

O conteúdo escrito ainda é de longe a ferramenta mais usada para o marketing de conteúdo, mas explorar outros formatos é uma maneira de adaptar para diferentes canais e divulgar seu trabalho de terapeuta de forma humanizada.

Veja algumas ideias:

  • Imagens;
  • Montagens (fotos com textos, várias imagens…);
  • Vídeos para o YouTube;
  • Vídeos ao vivo (lives);
  • Stories/IGTV;
  • eBook;
  • Curso online e Vídeoaula;
  • Webinar;
  • E-mail marketing;
  • Podcasts.

Avalie com qual formato você se identifica mais. E claro, qual faz mais sentido para o estilo e preferências do seu público-alvo!

 

Canais de divulgação

terapeuta com ícone do Instagram e like nas mãos aprendendo a como divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada

Os canais de divulgação são os meios de transmissão que você vai utilizar para fazer o conteúdo e seu trabalho chegarem até seu público-alvo. É como você vai divulgar seu trabalho como terapeuta para fortalecer o relacionamento com o público e expandir sua base de clientes.

Neste tópico focaremos nos principais canais digitais de divulgação.

As redes sociais são a forma mais popular e qual escolher dependerá de qual o tipo de conteúdo você deseja compartilhar e também de está o seu público.

Os principais canais atualmente são:

  • Facebook;
  • Instagram – rede social em alta;
  • Twitter – rede social de tendências;
  • Youtube – rede exclusiva de vídeos;
  • WhatsApp Business;
  • Linkedin – focada para quem deseja atuar como terapeuta em empresas;
  • SnapChat e TikTok – os aplicativos em alta usados neste momento pela geração Z;
  • Soundcloud e Spotify – exclusivos para podcasts e músicas;
  • Google Meu Negócio e Google Ads;
  • E-mail Marketing;
  • Site, página ou blog próprio;
  • Sites de Parceiros;
  • Perfil do Guia da Alma.

Cada canal tem suas particularidades, mas compartilham um objetivo comum: é uma maneira de colocar seu trabalho em contato do público.

Separei 5 deles para que você consiga montar sua estratégia de distribuição de conteúdo agora mesmo.

Dica: para você se aprofundar no assunto, temos um artigo exclusivo sobre dicas de redes sociais para terapeutas.

 

Facebook

Não podemos falar em redes sociais sem citar o Facebook. Apesar de estar em queda e ter diminuído o alcance das fanpages, praticamente, todo mundo tem uma conta lá.

As atualizações na linha do tempo do Facebook são dinâmicas. Cada usuário recebe um tipo de conteúdo de acordo com o que ele mais curte ou acessa. É assim que o Facebook julga mostrar o conteúdo mais relevante para cada tipo de usuário.

Por isso, nem sempre visualizamos todas as publicações de determinadas páginas. Recebemos as atualizações das páginas, grupos e pessoas com quem mais interagimos.

Ou seja, é recomendado que as suas publicações sejam o mais relevante possível. Quanto mais interações seu post tiver (em comentários, curtidas, compartilhamentos), mais ele será mostrado para outros usuários.

Para divulgar o trabalho de terapeuta no Facebook, você pode intercalar seus posts com imagens e vídeos. E lembre-se de criar uma página exclusivamente profissional, mantendo-a atualizada.

Mas atualmente, para ter sucesso aqui você deve ir além! Comunique-se com as pessoas da rede de maneira humanizada. Participe de grupos afins para compartilhar seu conteúdo e também para interagir com novos usuários e encontrar novos clientes.

Através do calendário do Facebook, você também pode adicionar seus eventos e descobrir o que está acontecendo perto de você, para conversar com novas pessoas.

 

Instagram

Com o crescimento dessa rede no Brasil, muitos profissionais vêm utilizando o Instagram como ferramenta de divulgação de seus produtos e serviços. Aqui é importante também utilizar a rede social no modo profissional.

Apesar de ser uma rede social da empresa Facebook, seu funcionamento é diferente. Estude as postagens de terapeutas da sua área que se destacam no Instagram, para entender como o público reage a estas publicações e qual tipo de publicação tem mais interação.

Lá, o foco são as imagens, vídeos, stories e IGTV. Você pode transformar um conteúdo textual em um pequeno texto resumido, e ter atenção especial para o visual.

E não esqueça das #Hashtags! Elas desenvolvem um papel importantíssimo, funcionam como links de busca dentro da rede. Você pode criar a sua própria e monitorar as hashtags mais populares da sua área. O ideal é usar de 3 a 5 em suas postagens.

Para facilitar seus trabalhos, você pode automatizar o processo de postagem de conteúdo nas redes sociais com ferramentas especializadas nisso. Falamos sobre isso em nosso artigo sobre 13 softwares que auxiliam o dia a dia dos terapeutas.

 

Youtube

Sendo uma rede social exclusiva de vídeos, ganhou bastante destaque, pois no mundo agitado e corrido de hoje, as pessoas dão mais preferência a vídeos. Além disso, são uma ótima estratégia para um marketing humanizado, pois criam maior conexão com o Terapeuta que está ali falando.

Alguns canais possuem mais de 1 milhão de seguidores, você consegue pensar na proporção que uma mensagem pode ser propagada através de um vídeo? Quantas pessoas podem ser ajudadas?

 

Whatsapp Business

O Whatsapp é outro exemplo de rede social, comprada pelo Facebook, que viralizou e que é essencial para os negócios.

Hoje é quase impossível conhecer alguém que não use o whatsapp como meio de comunicação! E é uma possibilidade de manter uma relação mais próxima com seus clientes. 

Você usar o whatsapp para atendimento, e divulgação de conteúdo com grupos e listas de transmissão. Mas o importante é que seja feita de maneira profissional e não invasiva!

É uma má prática de marketing enviar spam para pessoas que não deram permissão. Basta colocar-se no lugar do outro com empatia: você gostaria de receber propagandas sem consentimento ou interesse?

 

Site de parceiros

Uma estratégia de marketing para divulgar o trabalho de terapeuta de forma humanizada e efetiva é bastante antiga: firme parcerias.

Quando você publica conteúdo relevante e mantém sua presença online ativa, isso agrega valor à sua marca como terapeuta. E participar ativamente em site de parceiros é uma maneira de alcançar novos públicos.

Firme parcerias com terapeutas ou empresas consolidadas da área. Troque essa experiência!

Aqui no Guia da Alma oferecemos espaço para publicação de artigos de nossos Terapeutas. E o melhor: damos todo o suporte na configuração do artigo com boas práticas de SEO (Otimização para mecanismos de busca), para que os artigos sejam mais facilmente encontrados pelos usuários no Google.

Além disso, possibilitamos a você, terapeuta, divulgar seu trabalho e compartilhar seu conteúdo com pessoas do Brasil inteiro. Somos uma ponte de conexão entre você e seus potenciais clientes.

Mais que uma plataforma, somos um espaço de expansão: realizamos consultorias e oferecemos dicas de divulgação humanizada para os terapeutas que desejam expandir sua prática e viverem de seu propósito.

Venha fazer parte você também. Faça seu cadastro e comece a divulgar seu trabalho como terapeuta hoje mesmo!

software para terapeutas divulgar terapia - guia da alma

Testar plataforma Guia da Alma por 7 dias grátis!

Cofundadora e CMO do Guia da Alma, Facilitadora do Curso online Propósito Terapeuta

AGENDAR!

Avaliação
Presencial em