Carregando.
Aproveite a pausa e respire fundo!

É na juventude que tomamos decisões que impactarão o rumo de nossa existência. Quando somos jovens, temos diversas possibilidades de escolha, e uma maior facilidade de modificá-las, enquanto o caminho a ser trilhado ainda se encontra em seu início.

Depois de seguido determinado rumo, tendemos a ter maior dificuldade de abrir mão de tudo para começar novamente do zero. De fato, dos 20 aos 30 anos pode ser considerada a idade decisiva, conforme a psicóloga e pesquisadora Meg Jay.

É justamente nessa fase em que nos encontramos inexperientes perante a vida, com instintos e emoções aflorados. Sem reflexão sobre quem somos e o que viemos fazer na vida, seguimos apenas os prazeres a curto prazo. Assim, a maioria das pessoas não reflete sobre o resultado de suas ações à média e longa data, buscando simplesmente o ganho imediato e seguindo o fluxo da vida considerada “normal”.

Nascer-crescer-curtir-estudar-trabalhar-casar-ter filhos-aposentar-morrer. Será que a vida é somente isso?

Acontece que, de modo geral, quem vivencia este ciclo, ao chegar em seu final, começa a pensar sobre tudo o que fez e o que deixou para trás, que poderia ter sido diferente; começa a enxergar que, aquilo que acumulou durante a vida não será levado adiante e necessita ser compartilhado com outras pessoas; começa a valorizar as pessoas e os momentos, e não apenas os bens materiais, o sucesso ou o poder.

Como seria se pudéssemos inverter esta condição? Se desde jovens, na fase em que temos mais energia para realização e somos mais inconsequentes, conseguíssemos pensar com mais clareza e discernimento sobre o que é o melhor considerando, a longo prazo, qual nosso projeto de vida neste mundo e como vamos colocá-lo em prática ao longo das décadas?

 

Uma nova proposta: a Inversão Existencial

Para os jovens mais sensatos, desejosos em acelerar suas conquistas e aproveitar ao máximo a vida, existe uma proposta chamada Inversão Existencial. É uma técnica de vida, que consiste no planejamento máximo da existência ainda no período da juventude. Leva em consideração os princípios da Conscienciologia, ciência que estuda a consciência de modo integral, levando em consideração a realidade multidimensional da vida humana.

Através da Inversão Existencial, uma pessoa pode se autoanalisar e se autoconhecer. Os jovens podem muito bem fazer isso, buscando desde cedo ser exemplo de maturidade, assistencialidade e conhecimento interior, com foco em realizações produtivas para a Humanidade. Ficou interessado? Assista agora o vídeo abaixo:

A inversão existencial é atualmente utilizada por centenas de jovens desejosos em acelerar sua evolução e ter uma vida mais plena de significado. Você pode acessar o site da ASSINVÉXIS, instituição que pesquisa e divulga esta proposta, para saber mais como participar.

 

Leia também:

Pedro Borges

Pedro Borges é representante comercial, coach e especialista em Gestão de Pessoas. Voluntário, professor e pesquisador da Conscienciologia, pela instituição ASSINVÉXIS, especializada na divulgação e estudo da inversão existencial.

Deixe seu comentário e contribua com a troca

O Guia da Alma é o Portal que conecta pessoas e Terapeutas para uma vida mais leve com Terapia Holística e Integrativa online ou presencial em todo Brasil!

Descubra também o Autoconhecimento, Espiritualidade e Bem-estar no conteúdo original do nosso blog!

Receba o Guia da Alma no seu e-mail!

Conteúdo para a sua evolução de consciência.

As Terapias Holísticas e Integrativas são complementares à medicina alopática, e não devem substituir nenhuma consulta e/ou tratamento médico.
Atenção: este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida.
Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br. Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.

Política de Privacidade | Termos de Uso
Copyright © 2018 Guia da Alma. Todos os direitos reservados.
Feito com Luz e Amor em Florianópolis!