image-autenticidade-encontro-com-o-eneagrama
Eneagrama

Autenticidade! O encontro com o Eneagrama

Através de um relato pessoal, saiba como o Eneagrama pode revelar nossos potenciais.

icon-share
78 compartilhamentos

Depois de quatro anos perseguindo um jeito de ser na vida, mais autêntico, acho que agora estou no princípio de descobrir o seu funcionamento.

Ao longo desse tempo, busquei-o de inúmeras formas:

Primeiro, claro, dentro de mim. Tentando tirar uma essência verdadeira, fosse lá o que isso significasse, ou melhor, achava que toda a essência era pura e imaculada e por isso lá estaria a verdade de tudo e, com esse achado, finalmente me depararia com minha tão sonhada autenticidade. Depois de algum tempo e muitos encontrões, aonde saí um pouco esfolada (mas não se preocupem, superei rapidinho), as minhas personalidades me ajudaram.

Percebi que não há uma “santa” dentro de mim. Acreditar nisso, só me fez retirar minhas defesas (personalidade) de um jeito que fiquei perdida no mundo, sem saber como atuar, qual era o meu papel, ficando com cara de doida no centro do palco.

Parti para uma segunda opção: isolamento. Ser uma asceta talvez fosse o caminho para achar o que procurava. Afastei-me dos amigos, família, lazer, frivolidades e me perdi nos caminhos do estudo e meditação. Nas minhas reflexões encontrei todos, menos eu mesma. Ainda não sabia quem eu era de verdade e onde estava a minha autenticidade.

Não abandonei meus estudos e reflexões, mas aos poucos compreendi que eu precisava me relacionar novamente com as pessoas para talvez, ao me identificar com meus pares, ou talvez com um exemplo a seguir, encontrasse o que procurava. Diante da minha terceira opção, matriculei-me num curso de especialização para entender a teoria e personalidade de um homem que concluí ser muito autêntico. Estudei sua vida e obra, confirmando que ele era diferente de outros que tinha estudado e foi realmente um homem notável, mas ainda não havia conseguido a minha própria autenticidade.

Confesso a vocês que entrei numa pequena crise existencial e num beco aparentemente sem saída. Sabia que a minha manifestação não era autêntica, havia algo em mim que agia automaticamente, sem que eu tivesse controle sobre algumas das minhas ações e isso me angustiava. Não aceitava a minha postura, mas não tinha muito controle sobre ela.

 

O encontro com o Eneagrama

Voltei às minhas opções e, na quarta, encontrei o Eneagrama. Foi como fechar um ciclo de buscas. Foi como se alguém colocasse diante de mim um espelho diferente, que ao invés de vermos a nossa aparência, finalmente nos mostrasse a nossa essência. E querem saber de uma coisa? Não gostei nada do que vi, mas não tinha como voltar atrás.

O segredo desse espelho é que, quando entramos dentro dele, não podemos sair e a autenticidade aparece contra a nossa vontade. Ela vem feia. A minha veio com a cara da raiva, da inveja e da gula. Pois é, essa sou eu: nem santo, nem diabo. Apenas alguém tentando se defender da mesma forma que a criança que fui um dia, se defendia. A questão é que crescemos e as nossas defesas não crescem junto com a gente. Ficam infantis. Por isso sentimos tudo o que sentimos sem ter domínio sobre isso. A nossa essência é uma adorável criança com sua beleza, mas com suas imaturidades diante da vida.

Está aí. O Eneagrama, desvenda-nos e mostra a nossa autenticidade que não somente traz nossas incoerências, mas nossos maiores potenciais. Isso nos engrandece e nos assegura que vamos conseguir, porque começamos a usar os nossos pontos fortes para minimizar nossas fraquezas e, conscientes das nossas antigas defesas, podemos, aos poucos, substituí-las por defesas mais eficientes e altruístas, mas sem negá-las, apenas dando tempo para que se enfraqueçam diante da nova personalidade mais autêntica, construída através da busca pelo verdadeiro autoconhecimento.

Por fim, acabei minhas opções e sigo nessa trilha traçada pelo Eneagrama e quanto mais a persigo, entrando nos muitos caminhos sugeridos, mais me encanto e mais faz sentido para mim, toda a minha trajetória existencial, em busca da autenticidade na minha manifestação como ser humano em desenvolvimento. Sinto-me unida a todos que perseguem o mesmo caminho.

 

Quer saber mais sobre como funciona o Eneagrama? Deixe sua dúvida nos comentários!


 

Receba o Guia da Alma no seu e-mail!

Conteúdos para a sua evolução da consciência.




 

Édina Vasco

Psicóloga, Consteladora e Palestrante

6
0

A Édina Vasco… costuma dizer que possui vários alicerces e andares construídos, mas ainda sente-se inacabada e em construção. Tudo o que viveu foi muito importante para constituir o que é hoje e o que viverá ainda serão formadores de outras tantas versões suas. Portanto, nesse momento o que consegue dizer é que tem uma imensa vontade de se relacionar com as pessoas, estar com elas, senti-las, ouvi-las, compartilhar vivências para apenas estarem juntos no caminho. Outr...

Deixe seu comentário e contribua com a troca

O Guia da Alma é o Portal que conecta pessoas e Terapeutas para uma vida mais leve com Terapia Holística e Integrativa online ou presencial em todo Brasil!

Descubra também o Autoconhecimento, Espiritualidade e Bem-estar no conteúdo original do nosso blog!

Receba o Guia da Alma no seu e-mail!

Conteúdo para a sua evolução de consciência.

As Terapias Holísticas e Integrativas são complementares à medicina alopática, e não devem substituir nenhuma consulta e/ou tratamento médico.
Atenção: este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida.
Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br. Em caso de emergência, procure atendimento em um hospital mais próximo.

Política de Privacidade | Termos de Uso
Copyright © 2018 Guia da Alma. Todos os direitos reservados.
Feito com Luz e Amor em Florianópolis!